Protetor solar: saiba qual é a quantidade ideal | Panorama Farmacêutico
Notícias do setor farmacêutico

Protetor solar: saiba qual é a quantidade ideal

0 15

Regra das colheres de chá é um método fácil para acertar na hora
de se proteger do Sol da maneira correta
O verão está chegando e a importância de proteger a pele dos efeitos do Sol se torna ainda mais necessária. No entanto, ainda existem muitas dúvidas com relação à quantidade ideal e o intervalo de reaplicação do protetor solar, tanto em adultos quanto em crianças e adolescentes. De acordo com o recém-lançado Guia de Fotoproteção na Criança e no Adolescente, desenvolvido pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) com o apoio da Johnson & Johnson, para acertar na quantidade ideal de protetor solar, o adequado é utilizar a regra das “9 colheres de chá”. Quando falamos em crianças, a regra é a mesma, porém substituindo cada colher por meia colher. Veja abaixo!

“O que muita gente não sabe é que a efetividade do protetor solar está relacionada à utilização adequada em quantidade e frequência. A regra das colheres é um método fácil para pais e cuidadores aplicarem o produto da maneira correta, tanto em si quanto nas crianças, já que, durante o verão, elas ficam ainda mais expostas”, afirma a pediatra Dra. Sabrina Battistella.
Estudos[1] demonstram que, de uma maneira geral, a população brasileira aplica apenas 30% a 50% da quantidade recomendada de protetor solar, sem reaplicação na frequência recomendada, o que pode causar danos à pele, uma vez que o FPS oferecido pelo produto é reduzido. O FPS 30, por exemplo, bloqueia aproximadamente 96,7% da radiação solar quando aplicado adequadamente.
Além da quantidade adequada, é importante reaplicar o produto a cada duas horas, após entrar na água ou depois de sudorese intensa. “Com suor, água e mesmo quando esfregamos as mãos no rosto e em outras partes do corpo, ocorre a remoção física do protetor. Portanto, é necessário reaplicar de maneira uniforme, para que o fator de proteção solar (FPS) se mantenha conforme o indicado na embalagem”, completa Battistella.

Fonte:Jornal da Mulher

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.