Notícias do setor farmacêutico

Região de Campinas liga alerta para risco de sarampo

1.199

Com os índices de vacinação contra o sarampo abaixo da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde, de 95% de cobertura, municípios da região de Campinas (SP) ligam o alerta para o risco da doença, que está em circulação na capital. Dados do Centro de Vigilância Epidemiológica mostram que o estado de São Paulo registrou 66 casos neste ano.

  • Americana: 59,67% (média)
  • Sumaré: 81%
  • Limeira: 80%
  • Campinas: 94,76% (1ª dose); 84,75% (2ª dose)

Apesar de não haver registro da circulação do vírus ou casos suspeitos na região, especialistas destacam a importância de se atentar para a vacinação.

Pessoas entre 1 e 29 anos precisam ter registrado na carteira de vacinação duas doses. Acima dessa idade, pelo menos uma. A imunização é oferecida em toda a rede pública para pessoas até 49 anos. Acima dessa idade, é necessário buscar a dose na rede privada.

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

“O vírus do sarampo vem circulando em diversos estados do país, e atualmente a gente vê uma circulação intensa na região Sudeste, mas especificamente na cidade de São Paulo. Isso é motivo de preocupação, e faz com que a gente tenha que ficar alerta, tanto no sentido de detectar precocemente os casos que forem suspeitos, mas sobretudo de proteger a população, no sentido de evitar que se infectem ao viajar para áreas de transmissão, ou na eventualidade de haver um caso importado, que a população local esteja devidamente imunizada para que a gente não tenha surtos”, explica o infectologista da prefeitura de Campinas, Rodrigo Angerami.

Vacina contra o sarampo está disponível na rede pública de saúde1 — Foto: Reprodução/EPTV
Vacina contra o sarampo está disponível na rede pública de saúde1 — Foto: Reprodução/EPTV

Segundo o especialista, o sarampo é uma doença de transmissão respiratória fácil e ampla, que ocorre principalmente em ambientes com aglomerações de pessoas e eventos de massa.

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/05/27/farmarcas-abre-loja-1000-e-comemora-sucesso-do-modelo-de-gestao/

“É importante que as pessoas verifiquem se estão devidamente imunizadas. É o momento de procurar pela vacina, disponível em toda a rede de saúde”, destaca Angerami.

Principais sintomas da doença

  • Febre alta
  • Manchas vermelhas pelo corpo
  • Manchas brancas na parte interna da bochecha
  • Tosse
  • Coriza
  • Conjuntivite

Fonte: G1

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.
document.querySelectorAll('.youtube a').forEach(e=>{e.href = "https://youtube.com/user/partnersupport" })