fbpx

Unilever prepara novos produtos para enfrentar rivais

109

LONDRES (Reuters) – A fabricante de bens de consumo anglo-holandesa Unilever informou aos investidores na quarta-feira que espera novos produtos e uma organização mais enxuta para ajudar a ganhar uma intensa batalha para vender produtos embalados em todo o mundo.

A produtora do sabão Dove e da sopa Knorr, que está sob enorme pressão dos acionistas desde que rejeitou uma oferta de aquisição de 143 bilhões de dólares em fevereiro da Kraft-Heinz, registrou uma desaceleração inesperada nas vendas em outubro, citando perda de participação de mercado para rivais menores.

O negócio de cuidados pessoais da empresa de 20 bilhões de euros por ano, muitas vezes considerado o mais atraente, teve crescimento de apenas 2,4 por cento nos primeiros nove meses do ano, mas o presidente da unidade, Alan Jope, disse na quarta-feira que a divisão voltaria a crescer acima de 4 por cento em breve.

“Eu não vou dar uma data exata”, afirmou Jope em evento com investidores em Nova Jersey. “Mas eu não acho que estaria aqui com esse tom e essa posição convencida e relaxada, se não chegasse em breve”.

Ao explicar a desaceleração, Jope apontou o crescimento menor do mercado global, fraqueza na Indonésia e no Brasil – dois de seus grandes mercados – e aumento da concorrência de rivais locais, como Patanjali na Índia e Wardah na Indonésia.

Enquanto as duas primeiras questões eram temporárias, o executivo afirmou que a concorrência local era um fenômeno de longo prazo e, em grande parte, porque a Unilever estava focada em aumentar sua agilidade nos mercados locais.

A Unilever reiterou na quarta-feira as metas de poupar 6 bilhões de euros até 2019, dos quais dois terços serão reinvestidos no negócio, e uma margem operacional de 20 por cento até 2020.

Fonte: UOL

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies