fbpx

Insulina está em falta mais uma vez nem Campo Grande

94

Pacientes que recebem insulina Lantus (injetável) e outros medicamentos para controle da diabetes da Prefeitura de Campo Grande, por determinação judicial, estão sem o remédio.

Indisponível nas unidades de saúde, as “canetas” não têm previsão de ter o fornecimento regularizado. Em nota, a administração municipal informou que as insulinas (Lantus, Apidra Tresiba e outras de ação rápida) estão com a entrega limitada para os 400 pacientes, por conta do baixo estoque.

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) não explicou como é feita a distribuição do medicamento nem qual é o estoque atual. Mas para quem precisa da insulina, a falta prejudica o tratamento.

É o caso do aposentado Lorival Ribeiro de Souza, 77 anos, que afirma não conseguir o remédio – distribuído pelo Centro de Especialidades Médicas (CEM) – há dias. “Fui atrás e disseram que não tem previsão de regularizar. Também não tenho as lâminas para medir a glicemia, mandaram economizar, fazer o teste só duas vezes por dia ao invés de três”.

De acordo com a Sesau, o tratamento a pacientes com diabetes do Sistema Único de Saúde  oferece duas medicações (Insulina humana (NPH ) e Regular), que são integradas à Relação Municipal de Medicamentos (REMUME).

Estas medicações não estão em falta, sendo as mesmas fornecidas regularmente e gratuitamente aos pacientes cadastrados nos programas de tratamento. “Incorre que, medicamentos que estão fora da lista da REMUME que, em sua maioria, são de alto custo, como é o caso da Insulina Lantus, são ofertados somente através de decisões judiciais”, informou a prefeitura.

No dia 27 de novembro do ano passado a Sesau formalizou o registro de preços para aquisição de insulina, por ordem judicial, mas até agora sem finalização. O contrato válido por 12 meses tem valor total de R$ 1,487 milhão.

Fonte: Correio do Estado

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies