fbpx

Anvisa suspende lote de remédio para câncer de próstata

117

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisasuspendeu um lote do medicamento Casodex, usado para o tratamento de câncer na próstata. O remédio é fabricado na Alemanha e importado para o Brasil pela empresa AstraZeneca do Brasil Ltda.

O lote em questão é o número 45929 em comprimido revestido de 50mg com validade até fevereiro de 2021. A agência informou que a “medida foi adotada após uma inspeção de Boas Práticas de Fabricação” na empresa citada.

A agência afirma que empresa AstraZeneca deverá recolher todas as unidades do lote que estejam no mercado.

Outro lado

A empresa explicou que tinha recebido uma determinação da agência no começo de fevereiro de mais lotes e já tinha tomado previdências. Com esse segundo aviso, dado na última sexta-feira (23), a companhia já tomou as atitudes para suspensão da importação, distribuição e comercialização do lote do medicamento citado.

“A AstraZeneca reforça que colocar o paciente em primeiro lugar é um dos seus principais compromissos e está trabalhando para que a distribuição do medicamento seja restabelecida e regularizada. Ainda com este foco, a empresa orientará sobre a substituição do produto por outro equivalente terapêutico, quando contatada por paciente em tratamento”, diz a nota.

Fonte: Gazeta do Povo

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies