fbpx

Reajuste salarial injetará mais de R$ 100 mi na economia

1.367

O reajuste salarial de 2,50% – com 0,93% de ganho real – conquistado pelos trabalhadores da indústria farmacêutica de São Paulo vai injetar, nos próximos 12 meses, em torno de R$ 111,7 milhões na economia do estado. É o que prevê o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Mensalmente, o impacto é de aproximadamente R$ 9,3 milhões.

 

O aumento atinge em torno de 44,9 mil profissionais pertencentes aos segmentos farmoquímicos, de medicamentos para uso humano e preparações farmacêuticas, com data-base em 1º de abril.  Ficaram de fora do cálculo os trabalhadores que exercem funções relacionadas à ocupação propagandista, pois estes possuem convenção coletiva distinta.

 

As projeções feitas pelo Dieese têm como base os dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), ambos do Ministério do Trabalho (MTb).

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies