fbpx

Campanha de vacinação contra poliomielite e sarampo recebe apoio do Grupo Polar

4.088
Michaela Celestrin, coordenadora de marketing do Grupo Polar; Zé Gotinha, personagem principal da campanha promovida pelo Ministério da Saúde;  Ricardo Miranda, executivo de contas do Grupo Polar; e Marcel Oliveira, CCO da Agência Flush Comunicação, empresa do Grupo Polar

Começa hoje, 6 de agosto, a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite e Sarampo. Todas as crianças de 1 a menores de 5 anos de idade devem ser levadas a uma unidade de saúde, até o próximo dia 31, independentemente da situação vacinal. O dia “D” de mobilização nacional será sábado, 18 de agosto, quando os mais de 36 mil postos no país estarão abertos. A meta é vacinar, pelo menos, 95% das crianças, para diminuir a possibilidade de retorno da pólio e a reemergência do sarampo, doenças que já haviam sido consideradas erradicadas no Brasil.

Na coletiva de lançamento da campanha, o Ministro do Estado da Saúde, Gilberto Occhi, enfatizou que saúde é responsabilidade de todos. “O apoio da iniciativa privada é importante para que haja maior engajamento de toda a população. Quanto maior for o número de pessoas falando sobre o assunto, quanto mais recomendações médicas sobre a importância da vacinação, maior será a mobilização, e o Grupo Polar tem um papel fundamental nesta causa”.

A eficácia dos medicamentos é uma das maiores preocupações do Grupo Polar, sendo o armazenamento e transporte de vacinas, que são sensíveis a variações de temperatura, o principal serviço oferecido pela empresa, pois se não conservadas entre 2°C e 8°C, podem perder seu efeito. Para isso a empresa conta com elementos térmicos, embalagens exclusivas, monitoramento de temperatura e rastreamento.

A empresa recebeu do Ministério da Saúde o certificado de reconhecimento pela parceria e importante contribuição na transmissão da mensagem da campanha. “Só este ano tivemos mais de 800 casos de sarampo, infelizmente com óbitos. Trata-se de um dado preocupante que precisamos reverter com a divulgação da campanha”, ressalta o farmacêutico Ricardo Miranda, que faz parte do work team do Grupo Polar.

O Valida, outra empresa do Grupo Polar, realiza serviços de qualificação e validação de embalagens para transporte de medicamentos, seguindo os parâmetros do “Guia para Qualificação de Transportes de Produtos Biológicos”, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de 2017.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies