fbpx

Resultados do setor farmacêutico pesam e ações europeias caem

70

Os mercados de ações europeus recuaram nesta quarta-feira, com os resultados corporativos do setor farmacêutico pesando sobre o sentimento já afetado pelas tensões comerciais, com os Estados Unidos preparando tarifas sobre outros 16 bilhões de dólares em produtos chineses.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,2 por cento, a 1.526 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,2 por cento, a 389 pontos.

Preocupações com as disputas comerciais globais continuaram pressionando os mercados de ações europeus, com o índice STOXX 600 recuando 0,6 por cento até agora em agosto.

As atualizações de resultados das farmacêuticas dinamarquesas Novo Nordisk e Lundbeck desapontaram os investidores e suas ações caíram cerca de 5,96 e 14,29 por cento, respectivamente.

A ação da britânica UDG Healthcare também teve queda de cerca de 10 por cento depois de ter registrado fraqueza nas suas vendas de contratos e no segmento de serviços de apoio ao paciente.

Outros resultados importantes também pesaram sobre os mercados, como a varejista de alimentos holandesa Ahold Delhaize, que recuou 1,6 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,75 por cento, a 7.776 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,12 por cento, a 12.633 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,35 por cento, a 5.501 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,29 por cento, a 21.790 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,26 por cento, a 9.747 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,09 por cento, a 5.636 pontos.

Fonte: UOL

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies