Hospital Santa Cruz implementa Dispensário Eletrônico de Medicamentos

Ao dar continuidade à meta de crescimento, o Hospital Santa Cruz (HSC)  implementou o Dispensário Eletrônico de Medicamentos e Materiais da SisnacMed no Pronto Atendimento (PA). O objetivo éaprimorar ainda mais os serviços de saúde oferecidos aos pacientes que procuram a emergência do Hospital.

Para a gerente de Logística e Compras do HSC, Crystina E. Takeuti, a solução de armazenamento digital permitiu mais segurança e agilidade na manipulação e administração dos medicamentos, melhor gestão dos processos e melhoria no atendimento aos pacientes. “Outro ganho foi a excelência no controle de estoque, reduzindo os desperdícios e possibilitando um fluxo contínuo de abastecimento, sem interrupção por motivos de falta ou validade e uma redução de consumo de 37% em relação a 2017”, afirma.

Segundo o diretor-comercial da empresa fornecedora SisnacMed, Anderson Guilhem, o maior benefício da solução tecnológica é oferecer à Farmácia dados em tempo real do consumo de produtos (medicamentos e insumos) e contribuir com o programa de segurança do paciente, melhoria na distribuição e rastreabilidade dos produtos consumidos no PA. “A economia gerada por esse sistema, depende de cada instituição, mas normalmente gira em torno de 30% a 40% no consumo de medicamentos e insumos, com a vantagem de fornecer para a farmácia informações para controlar lotes de produtos, entre outras informações relativas à gerência de farmácia”, afirma.

As vantagens não param por aí. As atividades dos colaboradores em todas as instâncias, gestores, enfermeiros e médicos do PA, foram impactadas positivamente com a utilização do novo equipamento. “Para dar um exemplo, as alterações na rotina de reposição, armazenamento e dispensação de medicamentos e materiais hospitalares, passou a ser feita de forma eletrônica e digital, o que permite a rastreabilidade dos itens retirados dos dispensários eletrônicos Medlocker e Supply Point e a identificação do colaborador que as retirou, conforme níveis de acesso definidos”, complementa Crystina.

As prescrições médicas feitas no PA passaram a ser inseridas no sistema de gestão hospitalar do HSC, o Tasy, e direcionadas para o banco de dados do dispensário eletrônico no Pronto Atendimento. Com essa mudança de fluxo de trabalho e atendimento, toda a cadeia de abastecimento de medicamentos e materiais hospitalares no PA ficou mais eficiente, mais ágil e com menos problemas de reposição de produtos. Cerca de 2.500 itens, entre medicamentos e insumos, são manuseados diariamente só para atender a demanda do Pronto Atendimento do Hospital Santa Cruz.

A utilização do novo equipamento complementa o Sistema Toyota de Produção (TPS) implantado no PA e que já está funcionando 100% na unidade. “O equipamento de dispensação de medicamentos e insumos agregou valor às etapas de distribuição desses materiais em nosso PA, otimizando o trabalho ao diminuir consideravelmente a movimentação de nossos profissionais de saúde dentro das salas de atendimento”, revela Dr. Fernando Pompeu, coordenador do Pronto Atendimento do HSC.

A implementação foi realizada em três meses, entre integração de dados, ajustes do sistema e treinamento dos colaboradores, realizado por engenheiros e técnicos da empresa e gestores dos setores de Logística e TI do Hospital, além da participação dos profissionais de saúde do HSC, médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

Fonte: TI Inside

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar