Notícias do setor farmacêutico

Mais de 900 T de remédios oriundos de Cuba e China chegam à Venezuela

422

Caracas, 13 fev (EFE).- O ministro da Saúde da Venezuela, Carlos Alvarado, informou nesta quarta-feira da chegada de 933 toneladas de medicamentos e materiais médicos procedentes de Cuba, China – aliados do governo de Nicolás Maduro -, da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e de “algumas compras diretas” feitas pelo ministério.

“Neste momento estamos recebendo, já estão aqui, 64 contêineres com diferentes tipos de medicamentos, com 933 toneladas de suprimentos para a saúde”, disse.

Alvarado, que informou sobre a chegada desses medicamentos em um momento em que o Parlamento solicita a entrada de ajuda humanitária no país diante da crise do setor de saúde, indicou que a Venezuela recebe “com regularidade” remédios e material médico.

“Não é estranho que estejamos recebendo contêineres aqui no porto de La Guaira”, disse ele, explicando que a maioria desses medicamentos e materiais “vem do acordo com Cuba” e da China.

Ele também ressaltou que o ministério fez algumas “compras diretas” no mercado internacional “com essas empresas” que, segundo ele, não as bloquearam, pois o governo venezuelano assegura que os Estados Unidos impôs um bloqueio que impede ao país sul-americano de comprar remédios e alimentos.

“Também há (algumas) contribuições que vêm do fundo rotativo e do fundo estratégico da OPAS”, acrescentou.

Alvarado explicou que dentro dos 64 contêineres existem “mais de 18 milhões de unidades de medicamentos” entre “anestésicos, vacinas, antibióticos, nutrientes para gestantes, antipiréticos, analgésicos, protetores gástricos, soluções fisiológicas”.

Além disso, de acordo com o ministro, chegaram 22.575 unidades de peças de reposição para equipamentos médicos, 192 mil kits para testes de diagnóstico e “mais de 100 mil kits para citologia”.

Ele garantiu que o investimento desses medicamentos e materiais é de aproximadamente 25 milhões de euros. EFE

Fonte: UOL

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente                                                                                                                                                                                O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/05/24/estudo-mostra-as-maiores-inflacoes-medicas-do-mundo-brasil-e-o-terceiro/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.