Dona da Doctoralia recebe € 80 milhões

Dona da Doctoralia recebe € 80 milhões

Dona da plataforma de agendamento de consultas médicas Doctoralia, a empresa polonesa Docplanner recebeu um investimento de € 80 milhões. O aporte foi liderado pelos fundos do Goldman Sachs e One Peak Partners. O mercado brasileiro é o maior do grupo que também atua em outros 15 países.

No total, entre 2012 e 2019, a Docplanner já recebeu recursos de € 130 milhões dos fundos de venture capital Target Global e Point Nine, ambos da Alemanha, do fundo Enern Investments e do Banco Europeu para Reconstrução e Desenvolvimento.

“Os recursos do novo investimento serão destinados para expansão na Europa e América Latina, criação de novos produtos, captação de talentos e potenciais aquisições”, disse Carlos Eduardo Spezin Lopes, diretor-presidente da Doctoralia.

A receita da plataforma é proveniente de uma mensalidade no valor de R$ 339 paga pelos médicos. Em troca, o site oferece links patrocinados para divulgação do nome dos médicos em sites de buscas, opinião de pacientes e gestão de agendamento das consultas que envia, por exemplo, mensagem de confirmação de presença para os pacientes.

Há 500 mil profissionais cadastrados, mas nem todos pagam a assinatura e com isso não tem toda a gama de serviços. O acesso aos pacientes é gratuito.

Segundo a empresa, 9 milhões de pessoas acessam a plataforma da Doctoralia no Brasil, por mês, para marcar consultas ou tirar dúvidas relacionadas à saúde com profissionais cadastrados na rede. No ano passado, 2,5 milhões de agendamentos foram realizados por meio da plataforma. No mundo, esse número salta para 18 milhões. Os países mais relevantes para o grupo são México, Espanha, Chile, Polônia, Turquia, Itália, Colômbia, além do Brasil.

A Doctoralia iniciou suas atividades no Brasil em 2012, mas a operação era realizada remotamente da Espanha. “Contratávamos brasileiros que moravam em Barcelona para trabalhar na plataforma. Em 2017, montamos uma operação no Brasil”, disse Lopes.

Fonte: Valor Online

Veja também:

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação