"
"

Natura tem US$ 2 bi de crédito para aquisição

A Natura já tem garantia dos bancos Bradesco e Itaú para concretizar a aquisição da Avon, apurou o Valor. Os bancos Santander e Citi também podem entrar na composição do financiamento que está sendo discutido com as companhias. Os bancos que assessoram Natura e Avon na transação – UBS e Morgan Stanley – devem ficar de fora dessa composição, de acordo com duas fontes. “Os bancos financiadores devem ser os bancos de relacionamento da companhia.

Assim como os bancos de balanço não entraram na assessoria da operação, os assessores não devem entrar no crédito”, disse uma pessoa com conhecimento do assunto. A Natura já teria obtido dos bancos propostas para US$ 2 bilhões em financiamento – que seriam posteriormente trocados por operações de mercado de capitais, conforme as fontes. O valor de mercado da Avon está em US$ 1,42 bilhão. A conta pode ser mais alta, no entanto, se a Natura pagar prêmio na aquisição.

Usualmente o crédito para aquisições é substituído pelas empresas por dívidas mais longas no mercado de capitais, com emissão de debêntures ou bonds internacionais. A Natura pode aproveitar essa troca de crédito por papéis para fazer também o refinanciamento de seus títulos de dívida com vencimento mais curto, segundo uma fonte. Já ter o crédito sinaliza que o desfecho da aquisição está mais próximo.

Fonte: Valor

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies