Projeto obriga farmácias a instalarem caixas para descarte de remédios

Farmácias

O Projeto de Lei Complementar apresentado pelo vereador Velocino Uez (PDT) prevê a obrigatoriedade das farmácias colocarem à disposição uma caixa para a coleta de medicamentos vencidos. A proposta foi aprovada por unanimidade na sessão ordinária desta terça-feira (11) na Câmara de Caxias do Sul. O projeto integra um novo artigo ao Código de Posturas do Município. A proposição foi enviada para a sanção do poder Executivo.

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/06/03/conheca-a-nova-roupa-anticontaminacao-adotada-pelo-instituto-butantan/

Uez explica que teve a ideia a partir de dois objetivos principais, um deles sendo a promoção de um meio sustentável de descarte, visto que frequentemente os materiais são rejeitados de forma incorreta pelos ralos de banheiro, e o outro envolve a prevenção de acúmulo de remédios em residências, que, por muitas vezes, ficam acessíveis a crianças e trazem riscos de intoxicação. O pedetista destaca que, apesar de ser uma medida bastante simples, é pouco divulgada e a maioria da população a desconhece. Desta forma, o projeto estipula a colocação das caixas coletoras em locais visíveis nas farmácias.

O projeto sugere que os materiais coletados sejam encaminhados aos fabricantes, distribuidores, importadores ou aos órgãos competentes.

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

Fonte: Portal Rádio Caxias

1 comentário
  1. […] que destino dar aos medicamentos? Existem muitos locais que aceitam remédios e seringas descartados pela população. Para encontrá-los, a Roche oferece, em parceria com a […]

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar

Política de privacidade e cookies