Notícias do setor farmacêutico

Anvisa interdita três lotes de vacina pentavalente produzidas na Índia

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) interditou nesta quinta-feira (11/07/2019) três lotes da vacina pentavalente produzidas na Índia. Fabricados em novembro de 2018 e com validade até até maio de 2021, o imunobiológico não atende às regras sanitárias brasileiras. A resolução foi publicada nesta quinta-feira (11/07/2019) no Diário Oficial da União.A vacina pentavalente é indicada para imunização de crianças a partir de dois meses de idade contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e doenças causadas por Haemophilus influenzae tipo b.

Segundo a Anvisa, os lotes da vacina foram reprovados no “ensaio de aspecto”. Este teste faz uma avaliação visual da vacina para identificar qualquer tipo de alteração de cor, textura ou de presença de partículas, por exemplo.

“Este é um trabalho de rotina, já que todas as vacinas destinadas para o Sistema Único de Saúde (SUS) passam por uma avaliação amostral, feita pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS), antes de serem liberadas”, explica a agência, em nota.

De acordo com a Anvisa, as vacinas não foram distribuídas nem utilizadas. Essa remessa faz parte da importação excepcional para SUS. “A vacina não tem registro no Brasil e foi importada pelo Ministério da Saúde de forma excepcional para uso nos programa de imunizações”, detalha o texto da Anvisa.

Esse tipo de importação é autorizada ao Ministério da Saúde quando não há disponibilidade do produto no mercado nacional. A ocorrência é maior em casos de emergência de saúde pública para imunobiológicos integrantes do Programa Nacional de Imunizações que sejam adquiridos pelo Fundo Rotatório da Organização Pan-americana da Saúde (Opas) ou da Organização Mundial de Saúde (OMS) e em caso de doações oriundas de organismos internacionais multilaterais ou agências oficiais de cooperação estrangeira.

Veja a íntegra da resolução:

REPRODUÇÃO/DOUreprodução/dou

Fonte: Metrópole

 

Leia também : https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/06/28/estudo-mostra-que-reacoes-adversas-as-vacinas-sao-raras/

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação