Notícias do setor farmacêutico

Dados do emprego preocupam especialistas

312

emprego

Os resultados do emprego divulgados ontem pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) trouxeram certa decepção. A taxa de desocupação está em 11,8%, leve queda em relação aos dois trimestres anteriores. O problema é que economistas, mercado financeiro e empresários esperavam reação mais forte do indicador depois da avalanche de notícias positivas dos últimos dias.

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/01/31/lei-geral-de-protecao-de-dados-impulsiona-procura-por-backup/

Como a recuperação continua modesta, é preciso buscar as razões de o país não conseguir gerar oportunidades para os 12,5 milhões de pessoas que estão sem trabalho. A primeira leitura é óbvia: a recessão brutal, que fez a economia encolher 7% entre 2015 e 2016, deixou sequelas ainda sentidas em 2019. O segundo aspecto: a indústria e o varejo precisam de mais tempo para gerar volumes robustos de empregos. Com as taxas de juros nas mínimas históricas, o que deve estimular o crédito e o consumo, é de se imaginar que o terceiro trimestre traga a esperada virada. Se ela não vier, o governo terá motivos para se preocupar.

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

Fonte: Estado de Minas

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.