Notícias do setor farmacêutico

Sociedade civil e entidades assistenciais juntas contra novo coronavírus

367

No último mês, a disseminação do novo coronavírus alterou comportamentos e emoções da humanidade: ruas e avenidas de grandes centros urbanos do planeta estão vazias. As casas, cheias. Com medo, pessoas buscam refúgio e ficam enclausuradas em quarentena.

Ao mesmo tempo, a ameaça diante da pandemia e as alterações na vida de todos fizeram com que despertasse o sentimento de cooperação entre os brasileiros. Diferentemente de outros problemas sanitários globais mais antigos, a tecnologia permite que um maior número de pessoas possam ajudar em causas humanitárias.

Entidades assistenciais que já estão acostumadas a realizar doações demonstram força e articulação diante da disseminação da covid-19 no Brasil. “Há no gesto de doação, assim entendo, o sentido de humanidade que de algum modo se perdeu com o consumo desenfreado”, na opinião do professor de Filosofia da Faap Humberto Silva.

Para te ajudar a escolher a melhor forma de contribuir sem sair de casa, preparamos uma lista com as principais instituições e ONGs que buscam direcionar verbas para agentes de saúde, para distribuir itens de higiene pessoal e alimentação para comunidades carentes em diversas regiões do Brasil, casas de idosos ou crianças. Confira:

1 – Hospital das Clínicas de São Paulo arrecada doações para compra de equipamentos como respiradores, máscaras, luvas e tudo o que é preciso para os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate ao novo coronavírus. A campanha foi intitulada como ‘Vem Pra Guerra’.

2 – Santa Casa de São Paulo arrecada doação para produtos hospitalares. Até agora, a instituição arrecadou quase 10 mil máscaras cirúrgicas N95, 8.362 máscaras e respiradores com válvula, quase 700 produtos de higiene e cinco mil tubos de álcool gel. Porém, os profissionais precisam de mais ajuda.

3 – Fundo Emergencial para fortalecer sistema público da saúde. Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS), o Movimento Bem Maior e o BSocial criaram canal para doações diretas para entidades como Fiocruz, Hospital das Clínicas e Santa Casa de São Paulo.

4 – Fundo para a compra de respiradores pulmonares. A instituição sem fins lucrativos Comunitas já alcançou a meta de R$ 23,4 milhões para a compra de 345 respiradores pulmonares. Agora, quer doações para a criação de um fundo que auxilia a gestão pública a dar respostas emergenciais aos desafios enfrentados frente à pandemia provocada pela covid-19.

5 – A Cruz Vermelha Brasileira – São Paulo (CVB/SP), em parceria com as secretarias municipais de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC) e de Assistência e Desenvolvimento Social (SMAS), organizou 300 voluntários e coordenadores que passarão informações preventivas aos centros que acolhem moradores de rua, crianças, adolescentes, idosos e imigrantes em situação de vulnerabilidade.

6 – Doação de produtos de higiene e alimentos para comunidades carentes do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. Desde janeiro, a ONG Ação da Cidadania está realizando doações em comunidades por causa das fortes chuvas que atingiram algumas regiões do País no início do ano. Agora, os moradores dos mesmos lugares sofrem com a escassez de água, comida e produtos de higiene durante a pandemia do novo coronavírus. O voluntários estão arrecadando cestas básicas e produtos de limpeza e cuidados pessoais.

7 – Distribuição de produtos de higiene, alimentos e materiais educativos para crianças e adolescente. A ONG Visão Mundial distribuiu nesta semana 50 kits para famílias na Cracolândia, na região central de São Paulo, devido a pandemia do novo coronavírus, e na Vila dos Remédios, região Oeste da capital paulista. Outra regiões como Capão Redondo também já receberam auxílio, mas a ONG quer expandir as áreas de acolhimento. Além dos produtos básicos, os voluntários distribuíram materiais educativos para que os responsáveis por crianças e adolescentes consigam distrair, de forma lúdica, os filhos durante o isolamento social.

8 – Emergência Covid-19 – Coordenação de ações da filantropia e do investimento social em resposta à crise é uma iniciativa do GIFE – Grupo de Institutos Fundações e Empresas, que existe desde 1989, para contribuir com a articulação e a colaboração entre as organizações. A plataforma organiza as ações sociais que querem promover melhorias na distribuição de doações e divulga campanhas que estão sendo realizadas no combate ao novo coronavírus.

9 – Casa de repouso para idosos recebe doações. O Abrigo Irmã Tereza, instituição filantrópica em São Caetano do Sul que fornece moradia, comida e cuidados para 64 idosos, já está com falta de máscara, luva, álcool gel e álcool 70%. Para tentar distrair os idosos, o abrigo também usa jogos e brincadeiras, e aceita doações desses produtos. Para doar, mais informações por telefone: (11) 4238-3231.

10 – Casa de repouso para idosos recebe doações. Hotel Residencial Boa Vida – Rua Dias Leme, 38 – Mooca. Antes de doar, é necessário preencher uma ficha de qualificação. Mais informações no número (11) 94022-3752.

11 – Assistência Social Dom José Gaspar – Ikoi No Sono, localizada em Guarulhos, outra instituição filantrópica que atende 66 idosos. Eles estão recebendo qualquer tipo de doação, de alimentos a produtos de higiene.Para doar, entrar em contato pelo telefone (11) 2480-1122 ou por e-mail [email protected]

12 – Centros da Secretaria de Assistência Social do Município de São Paulo. As doações devem ser encaminhadas para a organização Cruz Vermelha, que distribuirá as doações. Para doar: É possível deixar os produtos na Avenida Moreira Guimarães, 699 ou mais informações no número (11) 5056-8666

13 – A organização Atados reuniu uma série de ações para ajudar os que mais precisam, inclusive fazendo grupos de vizinhos para auxiliar idosos que não podem sair de casa.

14 – O Vizinho do Bem é uma plataforma criada emergencialmente para conectar pessoas que estejam dispostas a ajudar outras pessoas em situação de maior risco de exposição ao covid-19. Seja, por exemplo, comprando produtos em supermercados e farmácias, ou apenas resolvendo coisas mais simples como levar o cachorro para passear. O uso da plataforma é gratuito.

15 – A Associação Aventura de Construir ajuda os microempreendedores da zona oeste de São Paulo e pretende arrecadar fundos para ajudar os empresários que estão enfrentando dificuldades econômicas por causa da quarentena.

16 – Governo estadual. A sociedade civil e representantes do setor privado também podem contribuir com doações em dinheiro, serviços e materiais. Os recursos financeiros arrecadados serão destinadas para a compra de materiais e para o custeio de serviços relacionados a procedimentos para o combate ao novo coronavírus.

17 – Governo federal. O Ministério da Economia abriu um edital para pessoas físicas e jurídicas doarem produtos médicos e hospitalares preventivos. Entre os itens estão máscaras, protetor ocular, luvas, avental, sabão líquido, álcool em gel e termômetro digital.

18 – O Instituto Fomentando Redes e Empreendedorismo Social trabalha com projetos voltados ao Terceiro Setor, seja em captação de parcerias, patrocínios, planejamento e identificação de sustentabilidade das ações propostas.

Fonte: Terra

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/04/01/coronavirus-ja-superou-800-mil-infectados-e-deixou-41-mil-mortos-no-mundo/

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.