Notícias do setor farmacêutico

Fundação de Bill Gates está investindo em sete vacinas

2.579

O cofundador da Microsoft e filantropo bilionário Bill Gates ganhou recentemente – ao lado do desenho Os Simpsons – o status de “profeta” ao supostamente ter previsto os danos que uma pandemia como a do novo coronavírus poderia causar no mundo. A “revelação” foi feita durante uma palestra para o TedTalks em 2015, com o título: “A próxima epidemia? Não estamos preparados”.

“Na época não tinha como saber do coronavírus. Mas o objetivo da palestra era encorajar governantes a investir de modo que pudéssemos responder à uma epidemia de forma rápida, e manter os números controlados”, contou o empresário em uma entrevista ao comediante Trevor Noah, no “The Daily Show”. Gates ainda contou que sua fundação está investindo bilhões em pelo menos sete vacinas para a Covid-19.

“Mesmo que acabemos escolhendo no máximo duas delas, vamos financiar fábricas para as sete, apenas para não perdermos tempo dizendo: ‘OK, qual vacina funciona?’ e depois construindo a fábrica”, disse o empresário, que sabe que vai perder bastante dinheiro com isso, mas não se importa. “Serão desperdiçados alguns bilhões de dólares em fabricação para as vacinas não são escolhidas. Mas alguns bilhões nisso, na situação em que estamos, onde há trilhões de dólares sendo perdidos, vale a pena”, completou.

Gates disse que testar e desenvolver a capacidade de fabricação simultaneamente é essencial para o rápido desenvolvimento de uma vacina, que ele acha que pode levar cerca de 18 meses. Gates e sua esposa, Melinda, já prometeram US$ 100 milhões para combater a pandemia de coronavírus, incluindo um esforço para enviar kits de testes domésticos para pessoas no estado de Washington.

Em um artigo assinado publicado no Washington Post na semana passada, Gates listou alguns dos erros da gestão da crise nos Estados Unidos e quais são, na sua visão, as melhores medidas a serem tomadas. O empresário ressalta que as medidas de isolamento são essenciais nesse momento – assim como o aumento no número de testes e as pesquisas para o desenvolvimento da vacina do Covid-19.

No texto, o empresário instou o governo a aplicar medidas mais rígidas de bloqueio em todos os estados e estimou que os EUA precisariam de mais 10 semanas de paralisações em todo o país para lidar efetivamente com a crise.

Fonte: Olhar Digital

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/04/06/remedio-antiparasita-mata-coronavirus-em-48-horas/

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.