Notícias do setor farmacêutico

Novo hub de inovação atrai mais de 360 farmácias

1.467

Hub de inovação nascido na pandemia atrai mais de 360 farmáciasO modelo de formação de ecossistemas de negócios na China e no Vale do Silício inspirou empresas do sul de Minas Gerais a investir em um hub de inovação pioneiro no país. O Cesul Lab, que iniciou operações em março deste ano, mobiliza 12 setores da economia local e já integra mais de 360 farmácias associativistas da região.

O projeto resultou da iniciativa do Cesul – Conselho Empresarial do Sul de Minas e teve como base uma metodologia inspirada na consultoria Mckinsey & Company. Conta também com o apoio do centro universitário Grupo Unis. “Constatamos que boa parte das empresas atuantes na região promovia um intenso fluxo de negócios com Belo Horizonte e São Paulo, mas deixava de lado a preocupação em potencializar a economia regional. Com isso, inúmeras possibilidades de crescimento eram desperdiçadas”, comenta o head de operações Felipe Flausino.

O hub de inovação está integrado a um espaço de coworking com base na cidade de Varginha, onde o Cesul Lab mantém uma incubadora de novos negócios e uma aceleradora de startups. “A ideia é atrair processos de inovação aberta e empresas iniciantes com soluções disruptivas. Só no setor de saúde, já identificamos mais de 50 startups aderentes às necessidades e demandas da região”, antecipa.

Os segmentos de saúde e farmácias, inclusive, compõem uma das 12 verticais que a Cesul Lab elegeu como estratégicas para a busca de novos negócios. Executivos da Inova Drogarias e da Unimed lideram essa área. “Estamos em conversações com health techs que reúnem soluções de assistência farmacêutica e teleatendimento clínico, ainda carentes no varejo do sul de Minas”, observa Flausino.

“O objetivo é que cada vertical tenha autonomia na prospecção de oportunidades, mas mantenha sinergia com os demais setores”, destaca o executivo. O comitê de Educação, por exemplo, deu início a uma série de programas de especialização em inteligência artificial, machine learning e criatividade, com a proposta de qualificar mão de obra local. Já a área de Mobilidade elaborou um projeto de criação de cidades inteligentes e negocia o aporte de um fundo de investimento dos Emirados Árabes, o que pode tornar mais eficientes operações como a distribuição de medicamentos.

Flausino acrescenta que a iniciativa também contempla a aproximação com o poder público, tanto que a Secretaria de Desenvolvimento da Prefeitura de Varginha passará a ter o hub do Cesul Lab como nova sede. “Acreditamos que esse exemplo pode ser reproduzido tranquilamente em outros polos econômicos do país. E o varejo farmacêutico pode agregar muito valor a esses projetos, em razão da sua capilaridade e presença em regiões que sequer dispõem de serviços médicos ou mesmo bancários”, conclui.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/09/12/associativismo-cresce-como-opcao-para-independentes/

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.
document.querySelectorAll('.youtube a').forEach(e=>{e.href = "https://youtube.com/user/partnersupport" })