Notícias do setor farmacêutico

O que acontece com o corpo se você tomar biotina todos os dias?

49

Você já ouviu falar em biotina? Famosa por fazer o cabelo crescer ou parar de cair, e também para fortalecer as unhas, a biotina é muito anunciada por aí como uma vitamina ótima para a beleza.

Mas será que ela funciona mesmo? Será que vale a pena tomar biotina todo dia? E por quanto tempo?

Saiba o que é biotina, para que ela serve, quais são os seus benefícios e contraindicações.

A biotina é uma coenzima da vitamina do complexo B conhecida, também, como vitamina H e vitamina B7.

Ela tem a função de sintetizar nutrientesmetabolizar gorduras, carboidratos e proteínas, auxiliando na geração de energia e na produção de ácidos que mantêm a pele, as unhas e os cabelos saudáveis.

Quando o organismo está com deficiência de biotina, seja por causa alimentar, seja por algum distúrbio, os primeiros sintomas a aparecerem geralmente são queda de cabelounhas fracas e quebradiças e erupções cutâneas no rosto.

Ainda podem ser desenvolvidos pela carência da biotina excesso de hormônios na tireoideconjuntivite e dermatite na forma de erupção cutânea escamosa e vermelha ao redor dos olhos, nariz, boca e área genital.

Segundo a Wikipedia, em adultos até sintomas neurológicos, como depressão, letargia, alucinação, dormência e formigamento das extremidades, já foram diagnosticados pela insuficiência dessa vitamina no organismo.

Fontes: quais alimentos contêm biotina?

A biotina está presente em diversos tipos de alimentos:

  • leite e derivados
  • carne vermelha
  • aves
  • peixes
  • gema de ovo
  • aveia
  • nozes e avelãs
  • soja
  • amendoim
  • castanha de caju
  • espinafre
  • couve-flor
  • arroz integral
  • banana
  • batata
  • morango
  • cogumelos
  • melancia

Entretanto, em alguns casos de carência, a alimentação é insuficiente e aí é preciso fazer suplementação de biotina.

Biotina todo dia para queda de cabelo ou unhas fracas

A biotina é fundamental para manter a pele, o cabelo e as unhas saudáveis, mas tomá-la como suplemento, diariamente, pode não surtir o efeito desejado.

A dermatologista Fabiana Caraciolo alerta que qualquer vitamina apenas deve ser suplementada se existe uma carência dela no organismo, pois, caso contrário, a suplementação pode ser perigosa.

Em relação à queda de cabelo, Caraciolo explica que a biotina não é usada nos tratamentos das patologias que causam a calvície e o eflúvio. Tampouco a biotina é capaz de acelerar o crescimento capilar.

A biotina é importante, segundo a especialista, para a formação da queratina, uma proteína presente na estrutura do cabelo e das unhas. Quando estes estão fracos e quebradiços deve-se, em geral, à insuficiência de biotina.

Um estudo da Sociedade Brasileira de Dermatologia, publicado na revista Surgical & Cosmetic Dermatology conclui que a suplementação com vitaminas e oligoelementos combinados (ácido fólico, biotina, vitaminas B1,B2, B3, B5, B6, B12, A, E, C, além dos minerais ferro, magnésio e zinco) podem sim melhorar as propriedades de resistência da fibra capilar, e ajudar no tratamento da queda de cabelo.

O senso comum  também aprova a biotina.

Uma das blogueiras do Coisas de Diva afirma que o uso de biotina não surtiu efeito em seus cabelos, mas que funcionou para o fortalecimento das suas unhas.

Já a Ju Lopes, do Juro Valendo, relatou que a sua experiência com a biotina foi positiva para os cabelos. Ela fez um tratamento de 6 meses, mas a partir do primeiro mês já deu para perceber menos quebra dos fios e, em 3 meses, maior crescimento deles.

Mas atenção às quantidades: biotina tem efeito colateral

Como vimos, tomar biotina todo dia pode até ser uma boa pedida, a suplementação poderia proporcionar cabelos e unhas mais fortes.

No entanto, é preciso consultar um médico dermatologista para descobrir as causas da queda de cabelo ou das unhas fracas.

A biotina funciona em casos de carência dessa vitamina. Se as causas da queda de cabelos ou das unhas fracas forem apenas estresse, é preciso encontrar uma forma de relaxar. E se for alguma insuficiência vitamínica, somente um especialista saberá indicar o melhor tratamento para o problema e em quais doses.

Geralmente a dose diária recomendada está entre 30 e 70 mg/dia, enquanto a carência se situa em torno dos valores < 0,1 – 0,2 ng/mL.

O fato é que, tomar sem haver carência, não apenas é inútil como pode ser perigoso. Doses superiores à recomendação médica pode causar efeitos colaterais.

Por exemplo, algumas mulheres relataram crescimento de pelos no rosto.

A biotina também pode causar desconforto gastrointestinal e irritação na pele.

Sem falar que há casos de contraindicações, como:

  • Alergia à vitamina biotina e outros componentes da fórmula;
  • Mulheres grávidas não devem usar biotina sem prescrição médica;
  • Medicamentos anticonvulsivantes podem provocar menor absorção da biotina e reduzir os seus efeitos quando utilizados ao mesmo tempo.

Nenhuma suplementação, ainda que aparentemente inofensiva, deve ser feita sem a orientação e o acompanhamento de um médico ou nutricionista.

Então, voltando à pergunta feita no título: o que acontece com o corpo se você tomar biotina todos os dias? A resposta é: tudo vai depender do uso correto que você fizer dela.

Consulte um médico e use-a com responsabilidade. Assim, os efeitos desejados serão mais facilmente alcançados.

Fonte: GreemMe

Você pode gostar também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

Perdeu sua senha? Digite seu nome de usuário ou endereço de email. Você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.
document.querySelectorAll('.youtube a').forEach(e=>{e.href = "https://youtube.com/user/partnersupport" })