fbpx
O maior canal de informação do setor

Conselho Regional quer a interdição de 40 farmácias de Arapiraca

Fiscalização apontou que estabelecimentos funcionavam de forma ilegal.

Ofício foi entregue ao MP e Vigilância Sanitária  (Foto: Ascom CRF/AL)
Ofício foi entregue ao MP e Vigilância Sanitária (Foto: Ascom CRF/AL)

Conselho Regional de Farmácia de Alagoas (CRF-AL) encominhou um documento ao Ministério Público Estadual (MP-AL) com o objetivo de pedir apoio para a interdição de 40 famárcias que funcionavam de forma ilegal em Arapiraca.

A informação foi divulgada nesta sexta-feira (18), mas a entrega do ofício foi feita na quinta (17) pelo vice-presidente do CRF, Robert Nicácio. Além da 3ª Entrância do MP, a Vigilância Sanitária de Arapiraca também recebeu o documento.

Segundo o Conselho, as irregularidades foram encontradas depois de uma fiscalização feita em 136 estabelecimentos entre os dias 4 e 9 de julho deste ano.

Neste período foram aplicados 80 autos de infração em farmácias, onde em 40 delas apresentavam há mais de 30 dias falta de responsável técnico (farmacêutico) e também não possuíam registro junto aos órgãos competentes.

Os nomes das farmácias não foram divulgados.

“O Conselho não possui poder de polícia, por isso, encaminhamos o nosso relatório aos órgãos competentes para que as providências sejam tomadas. Essa entrega de documentos é um complemento do serviço de fiscalização”, disse o vice-presidente.

Fonte: G1

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra