O maior canal de informação do setor

Covid-19: novo surto na China é o maior desde a descoberta da doença

112

China – Um novo avanço da variante Delta do coronavírus anda preocupando as autoridades sanitárias da China. Segundo informações, é o maior surto do vírus no país desde que a doença foi detectada pela primeira vez, em dezembro de 2019, na cidade de Wuhan.

Medidas restritivas já têm sido aplicadas para conter a disseminação da doença. Quase 20 das 31 províncias do país tiveram casos confirmados do vírus, que, ao todo, já contabiliza mais de 600 infecções. Os dados são da agência de notícias Bloomberg.

Outro ponto que assusta as autoridades é o aumento de casos na média móvel dos últimos sete dias. Restrições, principalmente relacionadas ao turismo, são esperadas no país.

Reuters/ Lindsey Wasson

Grandes cidades tomam medidas emergenciais

Na capital Pequim, nove casos foram contabilizados nas últimas 24 horas, elevando para 38 o número total de contágios confirmados na metrópole desde o início do novo surto.

Mesmo pequeno, o número é o maior registrado em 2021. Em resposta, as autoridades interromperam a venda de passagens de trem em 23 regiões com destino à capital chinesa.

Já em Chongqing, o governo iniciou um programa de testagem em massa, como parte de medida adotada contra o avanço do vírus em território chinês.

Chamada de ‘tolerância zero’, a estratégia tem ajudado o país a controlar novos surtos que, comparados aos padrões internacionais, ainda são considerados pequenos. As restrições contínuas continuam afetando o crescimento da economia chinesa, principalmente após a chegada da variante Delta.

Fonte: Portal Meon

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/fce-pharma-volta-apos-dois-anos-e-com-agenda-renovada/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação