fbpx

Cresce prescrição de medicamentos personalizados para os brasileiros

De acordo com o levantamento realizado pela ANFARMAG – Associação Nacional dos Farmacêuticos Magistrais, junto aos associados, cerca de 100 mil médicos, nutricionistas e dentistas prescrevem uma fórmula para ser manipulada em farmácia magistral, pelo menos uma vez, o que contabiliza aproximadamente 60 milhões de pessoas por ano nesse mercado.

Medicamentos industrializados seguem dosagens padronizadas e são continuamente controlados pela ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, para garantir segurança ao usuário. O que nem todo brasileiro sabe é que os personalizados também são rigorosamente inspecionados pelo órgão, e por isso mantêm processos controlados para fracionamento, manipulação e preparo, fazendo de seu uso confiável e altamente eficaz.

Ao contrário do que alguns acreditam, a manipulação não pressupõe apenas produtos naturais, o manipulado pode ter a mesma substância ativa dos industrializados, mas considerando as características e necessidades individuais de cada pessoa como, por exemplo: idade e peso, além de associar vários ativos na mesma fórmula.

No personalizado é possível também escolher a via de administração do medicamento que mais se adapte às necessidades do paciente: cápsula, pastilha, goma, chocolate, sachê, gel, pomada e adesivos. Essas e outras características facilitam a administração de personalizados para crianças, idosos, pessoas com qualquer tipo de deficiência e também para animais.

Como mais uma das vantagens da personalização, os manipulados são produzidos individualmente de acordo com a prescrição na receita, o que na maioria das vezes os torna de 40 a 50% mais baratos, sem excessos. Personalizado também no rótulo, o medicamento segue com o nome do cliente, além de dosagem, descrição dos insumos e período de tratamento, o que previne confusões ou trocas de medicamento em casa.

Segundo Ivan Maróstica – Gerente Geral da América Latina do Grupo Fagron, líder mundial em medicina personalizada – “O panorama da Anfarmag (Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais) nos mostrou que o futuro da medicina personalizada será cada vez mais tendência no país, e acreditamos que estamos no caminho certo, buscando trazer soluções inovadoras para o mercado e para a saúde dos brasileiros, investindo cada vez mais em pesquisa e desenvolvimento de novos produtos”.

Presente em mais de 35 países, o Grupo Fagron é um conglomerado multinacional, único no Brasil a ter a certificação de boas práticas de distribuição e fracionamento da ANVISA e a aprovação do FDA. Com inovações para longevidade, saúde, nutrição e beleza, atua no mercado magistral há 32 anos, incluindo embalagens, tecnologias para farmácia de manipulação, laboratório, testes e cursos.

Na América Latina já comemora 11 anos de êxito e conta com dez empresas no Brasil: Excipienta, Fagron Brasil, Fagron Genomics, Fagron Lab, Fagron Tech, Florien, Infinity Pharma, Mypack, Organic Compounding e Via Farma.

Uma campanha de conscientização sobre as vantagens do uso do medicamento personalizado foi lançada no mercado. Utilizando a hashtag #euusomedicamentomanipulado, a campanha estará presente em campeonatos automobilísticos com a finalidade de despertar interesse no assunto e um site com informações já está no ar para tirar dúvidas: https://euusomedicamentomanipulado.com.br/ .

Fonte: Portal 93 NOTICIAS

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra