fbpx
O maior canal de informação do setor

Farmacêuticas são multadas em R$ 4,2 mi por causa de remédios acima do preço

156

Farmacêuticas são multadas em R$ 4,2 mi por causa de remédios acima do preço

Empresas do setor farmacêutico terão de pagar R$ 4,2 milhões em multas aplicadas pelo governo federal por venderem medicamentos acima do preço autorizado, informou a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) nesta sexta-feira (11).

As multas foram aplicadas pela CMED (Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos), órgão interministerial ligado à Anvisa, responsável por fazer a padronização dos preços e fiscalização do setor.

Por lei, farmácias, laboratórios, distribuidores e importadores de medicamentos não podem cobrar preço acima do permitido pela câmara. O documento divulgado no DOU (Diário Oficial da União) detalha 23 autuações com preços que variam de R$ 750,41 a R$ 2.133.502,96.

No ano passado, a autarquia multou em R$ 15,2 milhões empresas que burlaram a regra do preço máximo dos medicamentos. De acordo com a CMED, de julho de 2020 a março de 2021 foram instaurados 139 processos de sanção e aplicadas 64 multas aos agentes do setor farmacêutico que descumpriram as regras de preços.

Fonte: Portal R7.com

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação