fbpx

Governo diz que apenas quem tomar vacina da Pfizer terá que assinar termo de consentimento

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Ministério da Saúde informou a governadores, em reunião na tarde desta quarta-feira (16), que apenas quem tomar a vacina da Pfizer terá que assinar o termo de consentimento, isentando o governo de responsabilidade por complicações do imunizante.

Veja também: Testes com a vacina Sputnik V só em fevereiro: “Eu não vou fazer do Paraná um povo cobaia”, diz Ratinho Jr

A fabricante incluiu a exigência no contrato que assinou com o governo brasileiro. Segundo o ministério informou aos governadores, o laboratório requisitou a mesma cláusula de todos os países que estão comprando a sua vacina.

Siga nosso Instagram

Governadores afirmam que saíram da reunião, realizada com o secretário especial Airton Cascavel, com o entendimento de que o governo vai replicar a exigência a quem for vacinado com o imunizante no Brasil.

Presente à reunião, Ronaldo Caiado (DEM-GO) afirmou que a Pfizer deverá ser a única que pedirá registro emergencial na Anvisa, as demais entrarão com o processo regular de validação, segundo a previsão do Ministério da Saúde.

Na avaliação de Caiado, o termo não deve afugentar potenciais interessados pois ela poderá ser direcionada a profissionais de saúde, mais acostumados com estes termos.

Fonte: Yahoo Finanças

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra