O maior canal de informação do setor

Informativo MTC: regularização do fornecimento de adalimumabe nas farmácias de alto custo

256

O Ministério da Saúde informa por meio do questionamento via LAI nº 25072.013194/2021-23, que as Secretarias Estaduais de Saúde estão recebendo adalimumabe para abastecimento total deste trimestre. Confira os estados que receberam adalimumabe no mês de julho e que devem iniciar entrega aos pacientes nos próximos dias:

Veja também: Protocolo de tratamento para doença pulmonar obstrutiva crônica no Brasil será atualizado

Alagoas Amazonas Bahia Ceará Distrito Federal Espírito Santo Goiás Maranhão Mato Grosso Mato Grosso do Sul Minas Gerais Pará Paraná Pernambuco Piauí Rio de Janeiro Roraima São Paulo Tocantins

Siga nosso Instagram

Alertamos que em alguns destes estados, em algumas unidades das farmácias de alto custo, já iniciaram a entrega aos pacientes.

Quando um medicamento é entregue para uma Secretaria Estadual de Saúde, é entregue em uma unidade centralizadora e conforme a logística de cada secretaria, o medicamento é enviado para as unidades das farmácias de alto custo. A partir deste momento, a disponibilidade do medicamento é de responsabilidade da Secretaria Estadual de Saúde, pois o Ministério da Saúde já fez a entrega, por isso, façam a cobrança ativa para que o fornecimento seja regularizado com urgência.

Se você mora em um dos estados que já receberam o adalimumabe, orientamos que estabeleça contato com a sua farmácias de alto custo e solicite a data de entrega do medicamento.

Estados que terão o abastecimento regularizado até o dia 15 de julho/2021

Paraíba Rio Grande do Norte Rio Grande do Sul Santa Catarina

Se você está sem receber o seu medicamento da farmácia de alto custo. Preencha o formulário, registre a falta de medicamentos e receba apoio do Movimento Medicamento no Tempo Certo, clique no link: https://pt.surveymonkey.com/r/faltademedicamentoSUS

Fonte: Artrite Reumatóide

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação