fbpx
O maior canal de informação do setor

Lira elogia Ludhmila e se coloca à disposição caso ela vire ministra da Saúde

117

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), usou o Twitter neste domingo (15) para elogiar Ludhmila Hajjar, cardiologista que atua em São Paulo (SP), na Rede Star, e era do Hospital Sírio Libanês. A médica é cotada para ser a nova ministra da Saúde. O general Eduardo Pazuello deve sair do cargo nos próximos dias. O Congresso em Foco falou com um assessor palaciano, que admitiu que a saída dele do governo deve acontecer em prol de uma unidade com o Poder Legislativo.

Veja também: CNN revela com exclusividade os bastidores das negociações entre Butantã e chineses pela Coronavac

Espero e torço para que, caso nomeada ministra da Saúde, consiga desempenhar bem as novas funções. Pelo bem do país e do povo brasileiro, nesta hora de enorme apreensão e gravidade. Como ministra, se confirmada, estarei à inteira disposição.

– Arthur Lira (@ArthurLira_) March 14, 2021

Siga nosso Instagram

O militar tem sido bastante criticado por conta da gestão da crise da covid-19, com a demora na liberação de vacinas e na falta de uma coordenação nacional de medidas de isolamento social. Há uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) pendente de instalação no Congresso que tem o objetivo de apurar a omissão do ministro no tratamento da pandemia.

Ludhmila está em Brasília neste domingo e se reuniu com o presidente Jair Bolsonaro. Ela foi médica de diversos políticos, como o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli e o ex-presidente do Tribunal de Contas da União (TCU) José Múcio Monteiro.

Diferente do que o governo vem pregando, a médica defende medidas de isolamento social contra o coronavírus e ressalta a falta de eficácia comprovada da cloroquina no tratamento da doença.

Fonte: Congresso em Foco Online

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação