fbpx
O maior canal de informação do setor

Medicina nuclear inova diagnósticos por imagem

Os tratamentos e diagnósticos de doenças como isquemias, inflamações e alguns tipos de câncer têm ganhado um importante aliado: a medicina nuclear. Ao contrário das técnicas de imagens convencionais, como a radiografia e o ultrassom, por exemplo, a medicina nuclear analisa, principalmente, as funções dos órgãos, isso de forma segura e nem um pouco invasiva. Utilizando o método conhecido como cintilografia, por meio de quantidades mínimas de radiação, é possível examinar e localizar tumores, progressão das doenças e metástases.

Conhecidos como radiofármacos, os medicamentos radioativos variam de tipo de acordo com o objetivo e atuam no organismo como um sinalizador, apontando que há algo de errado ali. A administração do medicamento pode ser feita por via oral, venosa ou por inalação e, mesmo se tratando de doses mínimas de radiação, é preciso que seja feita em ambientes isolados e propícios para a cintilografia. “Os exames de cintilografia são procedimentos de medicina avançada e, para realizá-los, o paciente precisa de uma estrutura de ponta, além de uma preparação que vai desde evitar uma reação alérgica grave, à orientação de uma alimentação específica algumas horas antes do exames, visando a melhor visibilidade do medicamento nas imagens”, explica o Dr. Daniel Favarão Del Negro, diretor médico do Hospital e Maternidade São Luiz Anália Franco.

Inaugurada em 2018, a Cintilografia do Hospital e Maternidade São Luiz Unidade Anália Franco é um setor exclusivo destinado a realização de 42 procedimentos voltados para a medicina nuclear, incluindo a cintilografia miocárdica de repouso e sob estresse, cintilografia de corpo inteiro, ossos, além de outras modalidades e segmentos corporais. Com isso, a unidade aumenta a capacidade de estratificação não invasiva de doenças, oferecendo aos pacientes mais uma ferramenta de diagnóstico de diversas patologias, em um local seguro e com tecnologia de ponta.

“O setor de cintilografia possibilita que os pacientes da Zona Leste de São Paulo tenham acesso a tecnologias inovadoras que facilitam o diagnóstico e o tratamento de doenças”, finaliza o diretor médico.

Fonte: BRANDPRESS

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/11/18/novartis-abre-inscricoes-para-seu-programa-de-estagio/

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra