fbpx
O maior canal de informação do setor

Oito medicamentos blockbusters perderam patente no 1º tri

3.433

Oito medicamentos blockbusters perderam patente no 1º tri

O primeiro trimestre remexeu as peças que movem o jogo das patentes na indústria farmacêutica norte-americana. Com base em um levantamento do portal Fierce Pharma, oito medicamentos “blockbusters” perderam a exclusividade entre janeiro e março deste ano. Juntos, eles movimentam mais de US$ 15,5 bilhões. Confira a lista abaixo.

1 – Revlimid (lenalidomida)

Empresa: Bristol Myers Squibb (BMS)

Doença: mieloma múltiplo

Vendas nos EUA em 2021: US$ 8,7 bilhões  
Estreia do genérico: março de 2022

Em fevereiro, a Sandoz e a Stada Arzneimittel revelaram que os lançamentos de suas versões genéricas do Revlimid estão em andamento na Europa. Este mês, os genéricos devem chegar aos Estados Unidos.

2 – Vimpat (lacosamida)

Empresa: UCB

Doença: epilepsia
Vendas nos EUA em 2021: US$ 1,27 bilhão
Estreia do genérico: março de 2022

A Aurobindo Pharma, da Índia, conseguiu uma aprovação provisória para seu genérico Vimpat, também conhecido como lacosamida. O compatriota de genéricos Zydus Cadila também ganhou uma luz verde provisória para seus comprimidos de lacosamida.

3 – Alimta (pemetrexedo dissódico)

Empresa:  Eli Lilly

Doenças: mesotelioma pleural maligno e câncer de pulmão de células não pequenas não escamosas
Vendas nos EUA em 2021: US$ 1,23 bilhão
Estreia do genérico: fevereiro de 2022

A Eagle Pharmaceuticals anunciou um lançamento genérico limitado em fevereiro e tem direito a uma entrada “ilimitada” no mercado em 1º de abril. Espera-se também que o fim da exclusividade abra as portas para genéricos da Viatris e da Apotex.

4 – Restase (ciclosporina)

Empresa: AbbVie

Doença: inflamação ocular associada à ceratoconjuntivite seca
Vendas nos EUA em 2021: US$ 1,23 bilhão
Estreia do genérico: fevereiro de 2022

No início de fevereiro, a Mylan, subsidiária da Viatris, obteve aprovação para seu genérico. Mas neste caso, o acirramento da concorrência é considerado incerto.

5 – Velcade (bortezomibe)

Empresa: Takeda

Doenças: mieloma múltiplo e linfoma de células do manto
Vendas nos EUA em 2021: US$ 920 milhões
Estreia do genérico: março de 2022

Farmacêuticas como Sandoz, Accord Healthcare e Fresenius Kabi obtiveram aprovações genéricas provisórias.

6 – Vasostrict (vasopressina)

Empresa: Endo International

Doença: diabetes
Vendas em 2021: US$ 901 milhões
Estreia do genérico: janeiro de 2022

A Eagle Pharmaceuticals, a Amphastar Pharmaceuticals e a Regent conseguiram aprovações para seus genéricos de vasopressina.

7 – Abraxane (paclitaxel)

Empresa: Bristol Myers Squibb (BMS)
Doenças: câncer de mama, de pulmão e do pâncreas

Vendas nos EUA em 2021: US$ 898 milhões

Estreia do genérico: março de 2022

Teva, Hikma e Fresenius Kabi estão entre as farmacêuticas com versões já aprovadas. Os medicamentos já estão no mercado europeu e a BMS espera perder a exclusividade do medicamento no Japão até 2023.

8 – Combigan (brimonidina/timolol)

Empresa: AbbVie
Doença: glaucoma
Vendas nos EUA em 2021: US$ 373 milhões
Estreia do genérico: janeiro de 2022

Em 19 de janeiro, a  Apotex anunciou  o primeiro genérico do Combigan no mercado norte-americano. Já Sandoz, Akorn e HiTech Pharma estão entre os laboratórios com aprovações provisórias.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação