fbpx

Para atender a demanda crescente por remédios, indústria do DAIA está investindo R$ 320 milhões

Localizada no Distrito Agroindustrial de Anápolis (DAIA), a Vitamedic Indústria Farmacêutica, uma das grandes produtoras de medicamentos do país, está investindo cerca de R$ 320 milhões na expansão da sua indústria.

O objetivo é atender a demanda crescente por remédios – até mesmo pela fase crítica da pandemia do novo coronavírus, que ocasionou a hospitalização de muitas pessoas – e aumentar a capacidade de produção da empresa.

As consequências do avanço da doença na indústria farmacêutica ficam claras ao se analisar os medicamentos que lideraram os números de produção e venda neste ano.

A Ivermectina, que está presente na lista da profilaxia para combater a Covid-19, liderou com folga a lista, inclusive causando uma grande mobilização na empresa para conseguir atender a demanda crescente pelo produto.

Atualmente localizada na 23º posição do ranking de fabricantes de medicamentos no país, os executivos da Vitamedic esperam figurar no top 10 da lista após o investimento e expansão.

A expectativa é de que as obras sejam totalmente concluídas em três anos e que tornem possível o aumento de 51% no portfólio de produtos e 90% nas apresentações.

Fonte: Portal 6 

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/08/10/pool-de-empresas-investira-r-100-milhoes-em-fabrica-de-vacinas/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra