fbpx

Procura por testes de Covid-19 em farmácias do DF aumenta 60%, diz sindicato

A procura por testes de Covid-19 nas farmácias do Distrito Federal aumentou 60% na última semana, segundo dados do Sindicato das Farmácias do DF (Sincofarma-DF). A alta coincide com a chegada das festas de fim de ano e das férias.

A realização de testes rápidos de Covid-19 em drogarias foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em abril do ano passado. No entanto, segundo o diretor do Sincofarma-DF, Ítalo Portela, apenas 5% dos estabelecimentos oferecem o serviço na capital.

O diretor afirma que a maior parte da procura pelos testes é por pessoas com sintomas da doença. Ele destaca que, antes da pandemia, a população costumava tomar remédios a qualquer sinal de resfriado. Com a Covid-19, segundo Italo, as pessoas têm se preocupado mais.

LEIA MAIS:

AUMENTO: Laboratórios de São Paulo registram alta no número de testes positivos para influenza e Covid

O diretor do sindicato também afirma que outra parte dessa alta ocorre por conta das festividades de fim de ano, quando muitas pessoas saem para encontrar familiares e amigos em outras regiões.

‘Boa parte do aumento está concentrado nos últimos dias antes das festas de fim de ano. Se uma pessoa mora sozinha, sintomas de gripe não assustam, mas se vai encontrar os pais, pessoas de idade, ela tem essa precaução’, diz Ítalo.

O diretor da Sincofarma-DF explica que apenas estabelecimentos habilitados a oferecer serviços farmacêuticos estão autorizados a oferecer o serviço. O preço médio é de R$ 79,90.

Teste gratuito

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) realiza testes gratuitos para detectar a Covid-19 em postos de saúde.

Na semana passada, diante do avanço da variante ômicron pelo Brasil, a pasta abriu um posto de testagem na sala de desembarque do Aeroporto de Brasília. De acordo com a SES-DF, dados preliminares mostram um aumento na procura desde a ampliação da estratégia.

Ao g1, a pasta informou que disponibilizou cerca de 800 mil testes nas Unidades Básicas de Saúde e no novo posto do aeroporto.

Nesta segunda-feira (27) foram realizados, até às 17h40, 246 testes contra Covid-19 nas UBS 612 Sul, UBS 114 Norte e no ponto de testagem do Aeroporto de Brasília.

‘Quero ressaltar a importância de as pessoas, ao terem sintomas, buscarem testar, garantindo a procura do tratamento correto. Fazer um teste é uma forma de tirar um peso da consciência, não só para quem vai viajar, mas para quem vai receber pessoas também’, destacou o diretor do Sincofarma-DF.

Além das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), a Secretaria de Saúde instalou no Aeroporto Internacional de Brasília, um ponto de teste rápido no desembarque doméstico, principalmente em passageiros vindos do exterior.

Fonte: G1


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/desmonte-ou-retomada-farmacia-popular/

 

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra