fbpx
O maior canal de informação do setor

RCR gerencia 50 mil ton/ano por meio da logística reversa

2.260

RCR discute como extrair valor para a marca com a logística reversa

No Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado na última sexta-feira, 5 de junho, a RCRambiental realizou uma webinar, que discutiu temas como logística reversa, economia circular e sustentabilidade solidária. Com 20 anos de mercado, a empresa assessora diversas empresas de bens de consumo, possibilitando a dedução de milhões de reais em impostos anualmente, referentes à gestão e ao descarte de produtos inservíveis, incluindo medicamentos. Esse serviço é relacionado à logística reversa pré-consumo que, além de outros fatores, visa a garantir a proteção da marca e evitar exposição negativa.

Sob o ponto de vista da logística reversa pós-consumo, a empresa desenvolve e opera projetos em consonância com a Política Nacional de Resíduos Sólidos e seus efeitos relacionados ao Decreto 10.388/ 2020, aprovado no dia 5 e que trata do descarte adequado de medicamentos domiciliares. Destaque para os inovadores smart PEVs (pontos de entrega voluntária) e sistemas correlatos, com diferenciais para motivar e engajar o consumidor final, que é parte fundamental para viabilizar essa etapa da logística reversa.

“A logística reversa de produtos inservíveis (pré-consumo) ocorre quando um dos elos da cadeia farmacêutica possui algum medicamento vencido ou com problema de qualidade, mas que já está pronto para consumo e corre risco de ser comercializado indevidamente”, explica André Navarro, diretor comercial da RCRambiental.

Com faturamento de R$ 65 milhões em 2019, a RCRambiental atende 80% das maiores indústrias farmacêuticas com operações no Brasil, além de grandes redes varejistas e das dez principais empresas de cosméticos atuantes em solo brasileiro. A companhia tem a matriz em Taboão da Serra (SP), além de filiais em Hortolândia (SP) e nos estados do Rio de Janeiro e Goiás, gerando a destinação adequada de mais de 50 mil toneladas por ano.

Processo de dedução

Após a coleta dos materiais, a valorização dos itens é feita de acordo com o que a legislação permite e a critério de cada cliente. “Primeiramente buscamos efetuar uma dedutibilidade de impostos para o cliente. Em alguns momentos, se o produto está numa cadeia pré-consumo, acionamos a autoridade fiscal ou sanitária para testemunhar que tal produto realmente foi tirado de circulação”, ressalta Navarro. Segundo o executivo, o cliente, seja da indústria ou do varejo, pode ter a dedutibilidade de impostos federais atrelados ao custo desse produto que ele perdeu.

Tecnologia pioneira

A empresa também busca valorizar da melhor forma possível os materiais coletados, priorizando a reciclagem e a valorização energética. “Somos pioneiros no país a utilizar a destinação de medicamentos por meio de plasma, tecnologia inovadora muito mais sustentável do que os incineradores convencionais”, pontua Navarro. Outra área que a empresa está explorando é a de gestão e tratamento de solo contaminado. “Já estamos trabalhando nesse novo nicho de mercado que tem bastante potencial, principalmente entre a indústria farmacêutica”, finaliza.

Serviços

  • Proteção da marca e gestão logística dos produtos inservíveis
  • Assessoria fiscal e ambiental
  • Valorização de inservíveis e resíduos
  • Gerenciamento global de resíduos na planta do cliente
  • Remoção e tratamento para solo contaminado
  • Destinação final adequada (reciclagem, valorização energética, plasma, outros)
  • Gestão de logística reversa pós-consumo

Vantagens

  • Projetos são customizados de acordo com a necessidade e solicitação de cada cliente
  • Anulação de riscos da reutilização incorreta das embalagens e de seus produtos
  • Inibição da venda clandestina
  • Prevenção de crise de imagem
  • Dedutibilidade em conformidade absoluta com a legislação, evitando riscos desnecessários
  • Exposição positiva das marcas em relação a sustentabilidade e ao meio ambiente.

Números

  • Faturamento de R$ 65 milhões em 2019
  • Tem entre seus clientes 80% das maiores indústrias farmacêuticas com operações no Brasil
  • Atende as dez maiores empresas de cosméticos do país
  • Mais de 50 mil toneladas por ano destinadas adequadamente

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente                                                                                                                                                                                O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/06/08/decreto-de-logistica-reversa-e-publicado-e-bhs-celebra-500-toneladas-de-medicamentos-ja-coletados/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação