Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Usuários reclamam da demora no atendimento de remédios de Alto Custo

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

Usuários reclamam da demora no atendimento de remédios de Alto Custo Programa Estadual que distribui medicamentos para determinados tipos de doenças de forma gratuita atende uma média de 1500 pessoas Da Redação: Rafael Barbosa / Carlos Mello – Foto: reprodução / internet

As filas de distribuição de remédios de Alto Custo tem aumentado nos últimos meses em São Roque e os usuários reclamam da demora e da falta de conforto no corredor onde as pessoas ficam espremidas durante horas. “Estou aqui a mais de duas horas em pé aguardando para ser atendido, uma falta de respeito. É somo se fosse fila de gado para o abate”. Comentou um aposentado que aguardava pelo atendimento.  O Programa Estadual que distribui medicamentos para determinados tipos de doenças de forma gratuita atende uma média de 1500 pessoas em cinco dias, período de distribuição dos remédios, gerando um grande fluxo de pessoas no Posto de Saúde II, localizado próximo a Rodoviária de São Roque.

“Cheguei na segunda-feira (16) ao local eram nove horas e sai as 11h30. A maioria das pessoas que vão ao centro para retirar seus remédios são idosas, não podemos esperar duas horas para termos acesso aos nossos medicamentos”, afirmou o aposentado Paulo Pereira dos Santos, de 62 anos, que retira medicamentos para ele e seu filho.

No posto de saúde faltam funcionários para atender a demanda, onde apenas um farmacêutico responsável é quem efetivamente libera os medicamentos. A nossa reportagem foi acionada nesta semana por algumas pessoas que reclamavam da fila e da demora no atendimento e confirmou que de fato a reclamação dos usuários procede. O número de funcionários claramente é insuficiente, sobre tudo pelo fato de hoje o centro contar com a falta de dois funcionários no setor, que cumprem licença maternidade e férias.

Ao ser questionada pela nossa reportagem, a Prefeitura de São Roque afirmou que atualmente o serviço de assistência farmacêutica  conta com 04 auxiliares de farmácia, 01 auxiliar de escritório e 02 farmacêuticos. Existe a expectativa para a contratação de mais um farmacêutico para integrar a equipe e auxiliar a distribuição de medicamentos no Alto Custo durante a semana de entrega de remédios.

A prefeitura informou ainda que pretende melhorar o atendimento  a população e diminuir o tempo de espera na  distribuição dos medicamentos estendendo de cinco para sete dias o prazo para a retirada. Essa mudança deve ocorrer a partir de junho deste ano.

Segundo a prefeitura a falta do cumprimento do agendamento por parte da população também atrapalha na distribuição dos medicamentos.

Atualmente o Alto Custo realiza um agendamento para os pacientes, que deveriam retirar seu medicamento em dias específicos. No dia em que nossa reportagem esteve no local, apenas os pacientes com nomes começados com L e M deveriam retirar os medicamentos, porém grande parte das pessoas que estavam no local deveriam retirar os remédios em outro dia. Como o setor não pode atender apenas os pacientes agendados para aquele período, a fila acaba aumentando, o que aliado a burocracia de rotina na distribuição dos medicamentos, acaba gerando grande tempo de demora nas filas.

Apesar dos esforços do governo em diminuir o tempo de espera, é necessário também a compreensão da população sobre o agendamento para a retirada dos medicamentos, marcado com um mês de antecedência, pois um paciente que vai ao centro médico em outro dia acaba não apenas esperando mais tempo na fila, mas também fazendo com que outros tenham que aguardar mais tempo. “Ressaltamos que todos os esforços da Equipe para agilizar o atendimento somente serão válidos se houver a efetiva colaboração dos usuários que buscam a Farmácia de Medicamentos Excepcionais no sentido de respeitarem suas datas de agendamento, evitando, assim, o acúmulo de pessoas de diferentes datas de agendamento numa mesma data de entrega”, esclarece a Prefeitura de São Roque.

Fonte: JE Online

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress