O maior canal de informação do setor

CEO da BioPrime Cosméticos criava misturas de cremes e vitaminas para clientes

195

Nenhum obstáculo foi grande o bastante para impedir os sonhos de Maria do Rosário, CEO da BioPrime Cosméticos. Cearense por nascimento, a empresária chegou em São Paulo com apenas 13 anos de idade, e, desde então, aprendeu a conciliar vida pessoal com profissional. ”Comecei a fazer cursos de cabeleireira e maquiadora, e posteriormente iniciei os atendimentos em casa mesmo: transformamos uma edícula em um salãozinho simples, com muito capricho. Quanto mais eu atendia as pessoas, mais amava deixá-las mais bonitas. E sendo motivada por isso, eu comecei a criar umas misturas de cremes e vitaminas que fizeram muito sucesso? eu costumo dizer que a BioPrime nasceu naquela época”, relembra.

”Eu me casei com 16 anos, e com 17 eu já tinha a minha primeira filha. Sendo assim, fiquei pensando na profissão que poderia exercer, e ao mesmo tempo conseguir cuidar da minha filha. O tempo foi passando, eu tive mais 2 filhos – com 24 anos eu tinha três filhos -, e posso dizer que eles foram minha principal motivação: eu queria proporcionar o melhor para eles, e também tinha muito prazer em contribuir com o bem-estar dos meus clientes”, contou.

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/seis-razoes-que-valorizam-o-papel-da-farmacia-no-autocuidado/

Maria do Rosário relatou que conciliar o seu papel de mãe, esposa e profissional foi o seu principal desafio. ”Eu era muito nova e com muitas responsabilidades. Mas mantive os meus sonhos vivos. Eu aproveitava todas as oportunidades que surgiam para conseguir me qualificar cada vez mais e aprender; também enfrentei muitas críticas, porém nunca deixei de acreditar e cultivar muita persistência e vontade de continuar”.

Uma pesquisa profunda acerca dos benefícios do coco para o cabelo e pele marcou a trajetória da CEO. ”Eu apresentei a pesquisa para algumas pessoas e todas acharam ela muito interessante, porém falaram que era algo muito caro, que isso não era para mim e que era muito difícil construir a minha própria marca. Durante algum tempo eu acreditei nisso, entretanto, apenas 2 anos depois eu vi o mercado cheio de produtos à base de coco. Este momento foi crucial, pois eu percebi que tinha deixado meu sonho na mão de outros. Logo, deste dia em diante eu refiz os meus objetivos e comecei tudo de novo, desta vez para nunca mais desistir”, relatou.

”Eu recuperei os meus sonhos, comecei a fazer novos cursos e fui falando com pessoas que podiam investir na marca; fui fazendo novas conquistas. Hoje, estamos trilhando o caminho para nos tornarmos uma marca famosa e reconhecida no mercado da beleza. Tudo valeu a pena e serviu de aprendizado para este sonho chamado BioPrime”, finaliza.

Fonte: 2A+ Cosmética

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação