O maior canal de informação do setor

Com novos insumos, Butantan deve produzir mais 20 mi de doses da CoronaVac

81

Nesta terça-feira (13), o Instituto Butantan recebeu uma remessa de 12 mil litros de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) para produção de vacina CoronaVac contra COVID-19. Este é o maior lote já importado do insumo e deve ser o suficiente para o envase de 20 milhões de doses do imunizante contra o coronavírus SARS-CoV-2.

Veja também: Já vacinou? Adesão à vacina da COVID bate recorde no Brasil, aponta pesquisa

A carga com 12 mil litros de IFA saiu de Pequim, na China, no último domingo (11). Em seguida, a aeronave fez escalada na Suíça, e chegou no Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande São Paulo, às 4h30 desta madrugada.

Siga nosso Instagram

O Butantan recebe hoje da China mais 12 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo, quantidade equivalente a 20 milhões de doses da Coronavac, a primeira vacina usada no Brasil para combater a Covid-19. Mais insumos, mais vacinas, mais vidas salvas. É nossa missão. #ÉdoButantan pic.twitter.com/G2h3aWtgqU

– Instituto Butantan (@butantanoficial) July 13, 2021

Agora, o envase do insumo e a rotulagem dos frascos da vacina CoronaVac devem ser feitos em um período de 15 a 20 dias. Após a conclusão desses processos, as doses do imunizante devem ser enviadas para o Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde, e distribuídas para a aplicação em todo o país.

Butantan deve produzir mais 20 milhões de doses da CoronaVac nas próximas duas semanas (Imagem: Luciana Zaramela/Canaltech)

Além disso, “a previsão é que uma nova carga de 12 mil litros de matéria-prima chegue da China nas próximas semanas”, afirma o Butantan, em comunicado. Essa nova remessa deve garantir uma maior ampliação dos públicos alvos da imunização da COVID-19.

No total, o Butantan já disponibilizou 53,1 milhões de doses da vacina elaborada em parceria com o laboratório chinês Sinovac. Para a imunização dos brasileiros, o instituto assinou dois contratos com o Ministério da Saúde para o fornecimento de 100 milhões de doses do imunizante até o final de agosto.

Fonte: Canaltech

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação