Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Como tratar a garganta inflamada e outras infecções

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

garganta inflamada

O inverno é uma estação que traz consigo o aumento de doenças respiratórias que podem deixar a garganta inflamada e também afetar os ouvidos e nariz.  Os quadros podem causar sintomas como coriza, espirros, dor de garganta, congestão nasal, dor de cabeça e febre. Algumas das condições mais comuns são o resfriado, a sinusite, a faringite e a amigdalite.

De acordo com Renata Becker, otorrinolaringologista do Hospital IPO, as primeiras medidas para prevenção são: lavar as mãos com frequência para evitar a propagação de vírus e bactérias; evitar o contato próximo com pessoas doentes; manter os ambientes arejados; e cobrir a boca e o nariz ao espirrar ou tossir.

Como prevenir a garganta inflamada

“É recomendado também que as pessoas se mantenham hidratadas e descansadas para fortalecer o sistema imunológico. Outra dica é usar umidificadores ou tomar banhos quentes para aliviar a congestão nasal e a secura da garganta”, detalha. A médica ainda sugere lavar o nariz com soro fisiológico nasal 0,9% várias vezes ao dia para limpeza das impurezas e para manter a mucosa nasal hidratada.

Porém, se os sintomas persistirem ou se tornarem mais graves, é importante procurar a orientação de um médico. A especialista alerta que algumas situações exigem atenção médica imediata, como dores intensas nos ouvidos ou perda significativa de audição, febre alta, dor de garganta grave ou dificuldade para engolir.

“A não realização de um tratamento adequado para as doenças do nariz, garganta e ouvidos no inverno pode levar a complicações graves, como a propagação da infecção para outras áreas do corpo, o agravamento dos sintomas, a internação hospitalar e até mesmo a síndrome respiratória aguda grave”, ressalta a otorrinolaringologista.

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress