O maior canal de informação do setor

Embalagem de cosméticos contribui para o desperdício zero

178

Uma das pequenas inconveniências do dia a dia: aquela última gotinha do hidratante ou do condicionador que fica presa dentro da embalagem e não sai de jeito nenhum. De acordo com estimativas, entre 17% e 25% do hidratante vai parar, junto com o frasco, no lixo.

Uma linha de embalagens chamada EveryDrop foi projetada para acabar com o desperdício e deixar os frascos mais fáceis de reciclar – ou mesmo reaproveitar – pela facilidade de limpeza. O frasco extra escorregadio, da empresa LiquiGlide, ligada ao MIT, garante que cada gota do produto vai sair. A tecnologia adiciona à superfície da embalagem uma camada não tóxica de lubrificante para eliminar fricção.

‘Costumamos acreditar que quando jogamos uma embalagem na reciclagem ela será reciclada, mas o processo é quase impossível quando ainda há produto dentro dela e é necessária uma grande quantidade de água para limpá-la,’ explica Kripa Varanasi, professor do MIT e cofundador do LiquiGlide. ‘A verdade é que algumas dessas embalagens realmente acabam no aterro sanitário.’

O impacto ambiental de desperdiçar o produto é provavelmente ainda mais significativo, considerando a energia e outros recursos que entram no processo de fazer os ingredientes, manufaturar os produtos e enviá-los para lojas e clientes. Consumidores também podem economizar, uma vez que não terão que comprar o mesmo produto com tanta frequência.

Ao mesmo tempo, o frasco tão escorregadio permite fazer produtos mais concentrados; hoje as garrafas de condicionador são preenchidas com água para que o produto possa sair. Mas a nova embalagem permitirá evitar esse processo com frascos menores, mais leves e que apresentam menor emissão de carbono. Os frascos também podem ser usados para produtos como cremes e géis normalmente acondicionados em embalagens mais pesadas.

A embalagem típica de hidratante é opaca, em parte porque o produto ganha aspecto desordenado, já que gruda nas paredes do frasco. Mas as novas embalagens podem ser transparentes, uma vez que a parte vazia do frasco consegue se manter limpa. ‘É satisfatório de usar’, conta o CEO e cofundador Dave Smith. ‘Há essa sensação extra de satisfação um pouco difícil de explicar, até você ter um frasco desses nas suas mãos.’

Depois de trabalhar no formato dos frascos com o designer Yves Béhar e preparar sua fabricação em larga escala, a empresa negocia com marcas de beleza interessadas em reduzir seu impacto ambiental. De acordo com os fundadores, a novidade poderá chegar às prateleiras das lojas dentro de meses. A empresa já trabalhou com Colgate no desenvolvimento de um frasco de pasta de dentes igualmente escorregadio.

Fonte: Notícia Sustentável

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/cosmeticos-solidos-crescem-no-brasil-e-chegam-a-novas-categorias-de-produtos-2/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação