O maior canal de informação do setor

Hospital da Ufba vai conduzir estudo na BA para testar eficácia da 3ª dose e de versão modificada da vacina AztraZeneca

85

O Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos (Hupes), da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e administrado pela Rede Ebserh, vai conduzir um estudo, na Bahia, para testar a eficácia de uma terceira dose da vacina da AztraZeneca. Ele será único centro do estado a participar da pesquisa.

Além disso, o estudo também tem como objetivo analisar uma versão modificada da vacina, que foi desenvolvida para fornecer imunidade contra a variante Beta (B.1.351).

De acordo com o Hupes, o estudo foi autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e contará com 800 participantes em diversos centros do Brasil, dos quais 100 desses voluntários serão recrutados na Bahia.

O estudo será aplicado em pessoas de 18 anos ou mais, previamente vacinados e não vacinados para determinar a segurança e a imunogenicidade da vacina candidata. A prioridade será dada a pessoas que já foram vacinadas com a AstraZeneca. Os interessados podem entrar em contato através do e-mail [email protected]

Também poderão participar voluntários que tenham completado o ciclo vacinal com imunizantes que utilizem a tecnologia RNA mensageiro a exemplo da Pfizer e Moderna – esta última ainda sem uso no Brasil. Em ambos os casos a exigência do estudo é de que o candidato tenha completado o ciclo de imunização, qualquer que seja a vacina, há pelo menos três meses.

Para voluntários que não tenham tomado doses de qualquer imunizante, o estudo testará também um esquema misto de duas doses ou seja, a primeira dose será da vacina já em uso e uma segunda dose da versão modificada.

O novo ensaio clínico será desenvolvido em sete centros de pesquisa na Bahia, Distrito Federal, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Fonte: G1

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação