fbpx

O que são dermocosméticos e quais os cuidados ao usá-los

Você sabe o que são os dermocosméticos e como utilizá-los? Em resumo, produtos agem na pele com objetivo de tratar e solucionar problemas, como manchas no rosto e rugas.

Acontece que muita gente ainda confunde esses tipos de produtos com cosméticos, ou até mesmo não sabem ainda como usá-los da maneira correta como é feito em uma clínica de estética, por exemplo.

Se você quer tirar todas as suas dúvidas sobre o que são dermocosméticos e entender como eles agem na pele, esse artigo é para você. Continue lendo a leitura e saiba tudo sobre eles agora mesmo!

Dermocosméticos são produtos feitos para serem aplicados na pele, oferecendo os cuidados que ela precisa. O seu objetivo é aliar saúde e beleza, de forma a proporcionar bem-estar.

Fazem parte da sua composição ativos farmacológicos. Por isso, eles podem ser utilizados em tipos específicos de tratamentos dermatológicos.

Redação Outro Dia News, o seu Site de Notícias com Dicas e informações do cotidiano na palma da sua mão. Portal completo e atualizado diariamente, acompanhe as nossas editorias.

Isso quer dizer que eles são ideais para melhorar aspectos da pele, como flacidez, clareamento de manchas e até diminuição de rugas.

Os dermocosméticos são classificados pela Anvisa como grau 2. Isso se deve ao fato de que eles são submetidos a testes e pesquisas a fim de confirmar, cientificamente, que eles são seguros para utilização.

É importante dizer que o risco de que esses produtos causem irritações ou alergias na pele são mínimos. Isso porque geralmente eles não apresentam na sua formulação conservantes, perfumes ou corantes.

E devido a semelhança nos nomes, muita gente pode não saber as diferenças entre cosméticos e dermocosméticos. Mas fique tranquilo porque falaremos sobre isso a seguir.

A principal diferença para compreender o que são dermocosméticos e cosméticos está relacionada ao nível de ação. Enquanto o primeiro age na camada mais profunda da pele, o segundo vai agir apenas na camada superficial.

Saiba mais > > Vigodent-Coltene cria programa embaixadores focado em estudantes de graduação de odontologia

Sendo assim, quando utilizados, os cosméticos vão promover um efeito imediato. Ou seja, esses produtos proporcionam uma solução imediata e não precisam de comprovação científica. Estamos falando de itens como base e corretivo.

Por exemplo, se você precisa resolver um problema de mancha no rosto. Passando a base do tom da sua pele, ela vai cobrir essa mancha na mesma hora. Acontece que, assim que você passar um demaquilante, elas estarão ali ainda, sem qualquer alteração no seu aspecto.

Já os dermocosméticos vão propiciar a redução ou podem até mesmo acabar com o problema. Dessa forma, esse tipo de produto vai tratar diretamente o problema. Os produtos mais conhecidos são: protetor solar, vitamina C, e hidratantes.

Voltando ao mesmo exemplo que demos acima, se você deseja tratar com objetivo de acabar com um problema da pele, como mancha no rosto, os dermocosméticos vão te ajudar, mesmo que a longo prazo, a solucionar isso.

Mas, mesmo com objetivos diferentes, os dois tipos de produtos podem ser utilizados juntos. Veja logo abaixo como isso funciona.

Como já falamos por aqui, os cosméticos e dermocosméticos tem finalidades e agem de forma diferente na pele. Mas é possível aliar os dois produtos e tirar o máximo de proveito deles.

Os melhores maquiadores falam que, para ter uma pele bonita e uma maquiagem que funcione bem, é preciso que a pele esteja bem cuidada. Dessa forma, ela será ainda mais natural e não será necessário corrigir problemas como olheiras, por exemplo.

Nesse sentido, antes da maquiagem, faça a limpeza da pele com um sabonete próprio para o rosto. Em seguida, utilize um tônico e uma vitamina C e feche a parte dos dermocosméticos com um protetor solar.

Feito isso, já podemos partir para a maquiagem. Com a pele bem tratada e cuidada, não é preciso muito para fazer uma maquiagem.

Saiba mais > > Rotina animal: entenda as diferenças de comportamento entre cães e gatos

E nessa etapa, você pode contar com um bom primer, que além de reduzir os poros, vai controlar a oleosidade natural da pele. Depois disso, basta passar a base, um blush em creme e um rímel e a pele está pronta.

É importante lembrar que existem hoje no mercado, diversas opções de protetores solares com cor, que podem até mesmo substituir o uso da base no processo de maquiagem. Dessa forma, dá para cuidar e disfarçar, temporariamente, o que incomoda

Falando em cuidados, saiba como utilizar dermocosméticos para manter a pele bonita e saudável.

Para promover os cuidados necessários para a pele, é preciso cumprir as etapas de higienização, hidratação e proteção. E como vimos, os dermocosméticos cumprem essa função.

Estamos falando isso porque devido a sua composição e os recursos tecnológicos. Eles são utilizados durante as pesquisas e testes para a sua produção, como a nanotecnologia. Por isso, a absorção da pele é ainda mais rápida.

Isso se deve ao fato de que as nanopartículas entram com maior capacidade na camada da pele, fazendo com que o tratamento seja ainda mais potente.

Por isso, o ideal é não abrir mão dos dermocosméticos se o seu objetivo é melhorar o aspecto da pele e mantê-la bem tratada. Ficou alguma dúvida? Vamos resolver isso agora mesmo.

Mesmo que você já saiba as principais características dos dermocosméticos, ainda podem surgir algumas dúvidas em relação à sua ação na pele, ou até mesmo se ele é para todo mundo. Fique tranquilo porque vamos explicar sobre isso.

É preciso receita médica para comprar dermocosméticos?

Não é preciso receita médica para comprar dermocosméticos. Eles contam sim com o registro da Anvisa.

Mas esse tipo de produto, além de ser vendido em farmácias, também pode ser encontrado em perfumarias ou lojas que vendem apenas itens para a pele.

Como os dermocosméticos agem na pele?

Eles contam com produtos em que os seus componentes agem na camada mais profunda da pele. Mas qual é essa camada? Vamos te explicar!

Saiba mais > > Artista Corporal revoluciona na cura das estrias

A pele possui 3 camadas e são elas: epiderme, derme e hipoderme. Como a epiderme é a camada mais superficial das três, os dermocosméticos agem diretamente na derme e hipoderme.

Considerando isso, quando utilizamos esse tipo de produto, eles vão proporcionar modificações fisiológicas na pele, mas sem fechar os poros. Dessa forma, ela será tratada sem atrapalhar a respiração natural.

Para quem é indicação o uso dos dermocosméticos?

O uso de dermocosméticos é indicado para quem possui problemas dermatológicos que partem das camadas mais profundas. Por isso, eles são indicados para tratar acne, flacidez, celulite, rugas, linhas de expressão, olheiras escuras e manchas na pele.

Eles também podem atuar de forma progressiva, solucionando problemas e tratando a aparência da pele quanto às marcas de acne ou outras cicatrizes.

O primeiro passo para começar a usar dermocosméticos é consultar um dermatologista, mesmo não havendo a necessidade de receita médica. Assim você saberá de fato qual o problema que sua pele apresenta e qual será o melhor produto para ela e que vai proporcionar bons resultados.

Além disso, esse profissional saberá exatamente o que sua pele precisa e você não correrá riscos de utilizar um produto que fará mal a ela, ou até mesmo comprar itens desnecessários e que não irão ajudar no tratamento.

Agora que você sabe o que são dermocosméticos e como eles podem promover a saúde da pele, é importante sempre considerar a ajuda de um especialista em casos de dúvidas.

Ou seja, o ideal é que estes produtos sejam aliados para quem procura uma pele bonita e saudável, e por isso precisam de atenção e cuidados no manuseio e utilização.

Fonte: Outro Dia News

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra