fbpx
O maior canal de informação do setor

Startup de entregas vira unicórnio em apenas 10 meses

755

Startup de entregas vira unicórnio em apenas 10 meses de atuação

Um caso de evolução meteórica no varejo digital. Para rivalizar com players já consolidados no ramo das entregas, a brasileira Daki trouxe uma proposta arrojada: entregar os produtos em 15 minutos. E parece que a velocidade não fica só no serviço prestado.

Veja também: Elon Musk quer implantar chips cerebrais em humanos a partir de 2022

Em apenas dez meses de atuação, a startup, que também atua com produtos de saúde e não medicamentos, foi avaliada em US$ 1,2 bilhão em uma rodada série B. Essa rodada de investimentos contou com a participação de fundos como Tiger Global, Activant Capital, Balderton, Greycroft, G-Squared, HV Capital, Kaszek, Mirae Asset, Monashees e Moving Capital.

Siga nosso Instagram

Tiger Global, GGV Capital e Balderton Capital já haviam feito um aporte no grupo de delivery há pouco mais de quatro meses. Os fundos, em uma rodada série A, injetaram US$ 170 milhões na Daki.

Em julho, a startup brasileira uniu-se à norte-americana Jokr, que trabalha no mesmo modelo em países como Estados Unidos, México, Colômbia e Peru. “Somos uma das companhias mais rápidas a alcançar esses status na história. Em poucos meses, nós tivemos um crescimento orgânico e uma retenção de clientes muito fortes”, enfatiza o CEO e cofundador da Jokr, Ralf Wenzel.

Como a startup atua?

Diferentemente de outras companhias do setor, a Daki trabalha com o formato de dark stores e hubs próprios, que são os pontos de partida para as entregas. Essas estruturas contam, em média, com mil produtos em estoque e funcionam das 7h à 1h. O mix inclui produtos farma.

Rafael Vasto, cofundador e CEO da Daki, aponta o diferencial do unicórnio. “É um modelo (de dark stores e hubs) mais eficiente. Nós controlamos cada elo da cadeia”, explica.

A Daki mantém 60 dark stores espalhadas pelas cidades de São Paulo, Capinas, Guarulhos, ABC Paulista, Rio de Janeiro e Niterói. Os aportes mais recentes serão alocados para expansão, principalmente para a chegada em Belo Horizonte.

“Temos um plano montado para outras capitais, possivelmente, já na virada do ano. Nossa projeção, para 2022, chegando a outros estados, é ter 150 dark stores, e não apenas em capitais. Vamos expandir a infraestrutura, o que inclui nossa equipe”, expõe Vasto.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação