O maior canal de informação do setor

Tremor nos lábios: o que posso fazer?

110.152

Tremores são relativamente comuns. É uma condição fisiológica para que o corpo ganhe calor.  Contudo, também existe o tremor essencial, que não tem uma causa definida, mas possui traços familiares. Esse tipo

Tremores são relativamente comuns. É uma condição fisiológica para que o corpo ganhe calor.

Veja também: Como funciona o teste de farmácia? Ele é realmente confiável?

Contudo, também existe o tremor essencial, que não tem uma causa definida, mas possui traços familiares. Esse tipo de tremedeira também não evolui para outros problemas, mas pode piorar com a idade, ansiedade, frio, angústia e medo.

Siga nosso Instagram

Por esse motivo, o problema pode causar constrangimento social.

Segundo Acary de Oliveira, professor de neurologia da Unifesp, muita gente confunde o tremor essencial com a doença de Parkinson. “O tremor essencial aparece na ação [como escrever]. O de parkinson aparece no repouso e é mais grosseiro.”

Entre os medicamentos possíveis para o tratamento do tremor estão os betabloqueadores, que são drogas usadas também para tratar pressão alta.

Além disso, a bebida alcoólica também pode ajudar a diminuir os tremores. “Mas não estou dizendo que as pessoas devem beber para parar o tremor”, afirma Oliveira.

Terapias que ajudem no controle emocional, como meditação e tai chi chuan, também podem ser benéficas.

Tremor devido a distonia orofacial

No geral, o tremor nos lábios não indica nenhuma doença grave. Apesar disso, ele pode ser sinal da distonia orofacial, uma das doenças dentro do grupo de distonia focais. De origem genética, essas doenças se caracterizam por contrações musculares localizadas.

O início desse tremor, que costuma ocorrer já na fase adulta, usualmente sequer é notado. Mas, com o passar do tempo, o quadro pode se agravar, levando a dores musculares e até mesmo a expansão dos sintomas para outras musculaturas.

Dentre as distonias focais, a orofacial é a responsável pelo temor que pode atingir mandíbulas, língua, boca e lábios, ocorrendo nos músculos da região inferior do rosto. Essa condição, se não tratada pode levar a dificuldade em algumas tarefas do cotidiano, como:

  • Abrir a boca
  • Articular palavras
  • Deglutir alimentos
  • Mastigar

Qual o tratamento?

Vamos falar agora sobre como tratar o tremor nos diversos gatilhos que podem gerar essa reação involuntária. Para controlar os causados pelo estresse ou ansiedade, você pode achar de grande ajuda passar por terapias de controle emocional.

Evitar o estresse sempre é uma boa pedida. Você pode, dentro da sua rotina, inserir algum tempo para atividades relaxantes, como:

  • Ouvir música
  • Passar mais tempo amigos e familiares
  • Reduzir a cargo de trabalho

Agora, para o alívio do desconforto causado pela distonia orofacial, existem outros tratamentos. O Botox, conhecido tratamento estético, é um deles. O sintoma pode ser aliviado quando a toxina botulínica é aplicada nos músculos afetados.

Um relaxante muscular também pode ser indicado por um profissional da saúde. Agora, se você não deseja um tratamento químico, você pode partir para atitudes como alongamentos, massagens e fisioterapia na região acometida pelo sintoma.

Um procedimento cirúrgico só será indicado em casos mais graves. A cirurgia em questão seria a implantação de eletrodos em uma parte do cérebro e também no peito. A partir do procedimento, o cérebro então será estimulado por esses implantes.

Mas, lembre-se, antes de partir para qualquer tratamento, converse com um profissional da saúde.

Fonte: Folha de S. Paulo Online e Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação