fbpx
O maior canal de informação do setor

Vacinação para quem tem entre 60 e 62 anos começa nesta quinta em SP

131

A partir desta quinta-feira (6) terá início a vacinação contra a Covid-19 de pessoas com 60 até 62 anos de idade. Em todo o estado de São Paulo devem ser imunizadas 1,4 milhão de pessoas, sendo cerca de 600 mil integrantes dessa faixa etária só na capital paulista, segundo projeções da Secretaria Municipal de Saúde.

Prevendo a alta demanda, já que esse grupo é o maior já imunizado até agora, a Prefeitura de São Paulo reabrirá temporariamente os grandes drive-thrus e postos volantes instalados em farmácias, igrejas, praças e supermercados espalhados pela capital. Eles estarão abertos somente até o próximo sábado (8) para oferecer a primeira dose para essa faixa etária. A partir de segunda-feira (10), a imunização ocorrerá apenas nas unidades básicas de saúde tanto para a primeira quanto para a segunda dose das vacinas.

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

Embora o secretário municipal de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, tenha informado no dia 21 de abril que seriam necessários ao menos 12 novos postos de vacinação para dar conta da nova demanda que terá início nesta quinta, serão abertos sete novos espaços. Com isso, a capital passará a contar com 27 grandes drive-thrus de vacinação contra a Covid-19.

Também a partir desta quinta as UBS passam a oferecer os imunizantes da Pfizer. As 135.720 doses da vacina serão usadas apenas nas 469 unidades básicas de saúde pela cidade.

Algumas cidades já deram início à vacinação para integrantes dessa faixa etária, entre elas municípios do ABC paulista, que começaram no último domingo (2), além de Santos, no litoral, e Guarulhos (Grande SP), onde a vacinação teve início nesta quarta-feira.

Outras cidades que também começaram a imunização de forma antecipada decidiram agendar horário para evitar filas e aglomerações nos postos de vacinação. É o caso, por exemplo, de Mogi das Cruzes (Grande SP), que decidiu criar um cadastro online em seu site, o Vacina Mogi das Cruzes (vacina.mogidascruzes.sp.gov.br/) Diariamente, a cidade tem capacidade de atender cerca de 2,5 mil pessoas.

Para agilizar o atendimento, o governo estadual recomenda que seja feito o pré-cadastro no site Vacina Já. Diferentemente do que ocorre em algumas cidades, a ferramenta não serve como agendamento. Porém, segundo o governo estadual, reduz o tempo gasto no atendimento em até 90%.

Assim como os megas drive-thrus, os cerca de 120 postos temporários montados em praças, igrejas, clubes, farmácias, escolas e teatros voltarão a ser montados nesta quinta (6). Eles permanecerão funcionando apenas para fornecer a primeira dose do imunizante até o próximo sábado (8), e depois serão fechados.

Esses locais são divididos em três tipos: drive-thrus montados em UBSs; farmácias e os chamados postos volantes, que são montados nos mais diversos pontos, tais como supermercados, colégios, igrejas e até teatros.

Para poder oferecer o serviço, as seis coordenadorias regionais de saúde firmaram parcerias com grandes redes de farmácias; tais como Droga Raia; Drogasil; Drogaria São Paulo; Extrafarma e Pague Menos; além de lojas do comércio e igrejas.

Como funcionam apenas como apoio, eles podem variar de tamanho e número, e obedecem à demanda da região e disponibilidade de doses. A lista é atualizada pela própria prefeitura.

Nesta quarta, o governador João Doria (PSDB) anunciou o início da imunização contra a Covid-19 para grávidas e puérperas acima de 18 anos com comorbidades, e ainda pessoas com deficiências permanentes e pessoas com comorbidades, estes últimos dois grupos específicos para integrantes da faixa etária de 55 anos a 59 anos. Juntos esses grupos somam 1,15 mi de pessoas.

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2021/05/06/nova-alianca-viabiliza-solucao-unica-de-rastreabilidade-para-farmaceuticas/

Esses grupos começam a ser imunizados a partir da próxima segunda-feira (10). Nesta data, serão vacinados cerca de 120 mil portadores de síndrome de down, pacientes renais em diálise e transplantados imunossuprimidos de 18 anos a 59 anos de idade.

Na terça-feira (11), será a vez das grávidas e puérperas com comorbidades acima de 18 anos. Segundo o governo estadual, elas somam cerca de 100 mil pessoas. Nesta mesma data, os imunizantes estarão disponíveis para 30 mil pessoas com deficiência permanente de 55 anos a 59 anos.

Na quarta-feira (12), será a vez de pessoas com comorbidades com idade entre 55 anos e 59 anos.

Fonte: DL News

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação