Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Vendas por aplicativo são 40% de faturamento online da São João

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

Vendas por aplicativo
Foto: Freepik

Quase metade do faturamento da Farmácias São João no mundo digital tem como fonte as vendas por aplicativo. Mais 40% desse montante é negociado pelo app da rede, mantido em parceria com a Kobe Apps. As informações são do E-Commerce Brasil.

A migração da tradicional varejista do Sul do país para o mercado online tem um porquê: cada vez mais as farmácias faturam nesse segmento.

Segundo a Abrafarma, a receita proporcionada pelas vendas online entre as 30 maiores redes do setor foi de R$ 9,34 bilhões no ano passado. Até 2019, esse volume não chegava a R$ 1 bi.

“Podíamos definir o e-commerce como patinho feio das farmácias na década passada, embora com tendência de alta. Mas a pandemia exigiu uma reinvenção e acelerou os processos de inovação digital, na esteira da mudança de hábitos do consumidor”, comenta Sergio Mena Barreto, CEO da entidade.

Vendas por aplicativo não substituem lojas físicas 

Na visão do CIO das Farmácias São João, José Leal, apesar de o aplicativo e outras plataformas digitais ganharem protagonismo, elas não tiram a importância dos PDVs físicos.

“Embora estejamos vendo um rápido crescimento das compras online, os consumidores visitam as lojas e, simultaneamente, utilizam o e-commerce para comparar preços e produtos”, argumenta.

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress