fbpx
O maior canal de informação do setor

Cannabis medicinal: o que os americanos pensam sobre o uso

Cannabis medicinal

Conhecida por ajudar pacientes com dor crônica, ansiedade, ataques de pânico ou outras doenças físicas e mentais, a cannabis medicinal foi legalizada pela primeira vez na Califórnia em 1996 e agora é amplamente aceita nos Estados Unidos.

Segundo reportagem da empresa de análise de dados Statista, com o apoio público à legalização da cannabis atingindo novos patamares, muitos americanos experimentaram algum tipo produto, seja por motivos médicos ou recreativos.

O que eles pensam sobre a cannabis medicinal

Dados da pesquisa OTC & Pharma 2021 da Statista revelam que 43% dos americanos já experimentaram cannabis medicinal ou CBD. De acordo com o levantamento, realizado em julho e agosto de 2021, 3 em cada 10 adultos consideram a cannabis/CBD uma boa alternativa aos produtos médicos tradicionais, enquanto 26% a prefeririam a medicamentos químicos.

No entanto, ainda existem algumas reservas em relação ao uso médico da cannabis, pois 21% dos entrevistados disseram que estariam preocupados com os riscos e 13% não querem que a cannabis seja legalizada.

  • Já experimentaram cannabis medicinal ou CBD – 43%
  • O uso da cannabis deve ser legalizado para todos – 33%
  • Cannabis medicinal é uma boa alternativa aos medicamentos tradicionais – 32%
  • Eu prefiro a cannabis medicinal aos medicamentos químicos – 26%
  • Eu posso me imaginar usando cannabis medicinal – 26%
  • Eu estou preocupado com os riscos do uso de cannabis medicinal – 21%
  • Eu não quero que a cannabis seja legalizada – 13%

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra