fbpx
O maior canal de informação do setor

CVS transformará 600 lojas em centros de saúde e bem-estar

3.375

CVS transformará 600 lojas em centros de saúde e bem-estarUma nova CVS começa a surgir em 2020. Depois de um bem-sucedido projeto-piloto iniciado em 20 lojas no fim de 2018, a gigante varejista norte-americana transformará 600 lojas em centros de saúde e bem-estar, intitulados HealthHUB. A informação foi confirmada na última semana pelo CEO Larry Merlo, que revelou também o plano de terminar 2021 com mais de 1.500 espaços do gênero.

O HealthHUB estará presente em mais de 30 estados do país, em cidades como Atlanta, Boston, Cleveland, Dallas, Houston, Nova York, Philadelphia, Tampa e Washington. O espaço ocupará 20% da capacidade total do ponto de venda e posições privilegiadas na parte frontal da loja, substituindo prateleiras anteriormente reservadas a artigos como brinquedos.

Além de dispor de profissionais de saúde especializados para a realização de testes rápidos e aconselhamentos sobre doenças crônicas, os clientes poderão acessar balcões digitais para agendamento e realização de consultas clínicas online. A operação contará com o suporte da equipe da Aetna, companhia de seguros de saúde adquirida pela CVS há dois anos, em uma transação que totalizou US$ 70 bilhões.

Cassyano Correr, coordenador do programa de assistência farmacêutica avançada da Abrafarma e fundador do Clinicarx, mostra-se impressionado com a velocidade de expansão do modelo da CVS. “Essa transformação aponta uma direção inevitável do varejo global e o conceito já encontra paralelo em grandes redes brasileiras, com apoio de plataformas de saúde voltadas ao canal farma que garantem consistência ao negócio”, avalia.

Fernando Ferreira, CEO da Syntropy e especialista em gestão comercial de empresas do setor, entende que esse caminho representa a sobrevivência do varejo farmacêutico. “Nos últimos 48 meses, cerca de 30% das drogarias no Brasil passaram por uma renovação com foco em qualidade de vida e bem-estar. Com quase 80 mil pontos de venda, nenhum setor que integra o ecossistema de saúde tem essa capacidade de promover tamanha inovação. Vacinas e testes rápidos são apenas o início dessa revolução”, comenta.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2019/11/11/cvs-fecha-22-lojas-de-baixo-desempenho-no-primeiro-trimestre-de-2020/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação