fbpx

Especialista fala sobre benefícios da vitamina D e dá dicas para obtenção

vitamina D

Uma das formas de obtenção da vitamina D, tão essencial para o organismo humano, é por meio da exposição adequada ao sol. Mas em tempos de distanciamento social, é preciso se reinventar também nesse quesito e buscar novas formas para adquirir esse nutriente.

Siga nosso instagram: https://www.instagram.com/panoramafarmaceutico/

Porém, a nutricionista da MedPrev/PB do Hapvida em João Pessoa, Gabrielle Vieira, afirma que é possível manter o nível de vitamina D em dia sem descumprir a quarentena.

“Durante o período de quarentena, sem a exposição solar, a suplementação de vitamina D é benéfica para todos, já que pela ingestão de alimentos fonte, não é possível suprir. Mas, se possível for, se expor ao sol pela janela ou varanda por cerca de 10 minutos, três vezes por semana, já pode ser suficiente – dependendo da cor da pele, horário da exposição solar e da absorção de cada um”, explica.

A especialista ressalta que a vitamina D tem um papel relevante na ação esquelética, atuando na função muscular e no metabolismo do cálcio, preservando a massa óssea.

Além disso, existem muitas evidências científicas sobre as ações extra-esqueléticas, como, por exemplo, na modulação imunológica, na defesa antimicrobiana, na ação anti-inflamatória e anticâncer, na função neuroprotetora e benefícios cardíacos.

Por outro lado, a nutricionista Gabrielle Vieira lembra que a carência de vitamina D pode ocasionar depressão sazonal, osteoporose e ainda prejudica o crescimento das crianças.

“É preciso ter um equilíbrio na dosagem da vitamina D no organismo, pois ao mesmo tempo em que a carência provoca prejuízos à saúde, o excesso, pode causar aumento do cálcio e lesão renal. Por isso, a importância de consultar um médico ou nutricionista para ajustes de doses personalizadas para cada indivíduo, dependendo do exame”, alerta.

Para este período de distanciamento social, a nutricionista apresenta duas dicas simples e práticas. A primeira é a exposição solar (quem puder) e a outra é o aumento da ingestão de alimentos como peixes, gema de ovo, leite e etc.

“É importante lembrar que a absorção pela alimentação é de apenas 10 a 20%. Pois cerca de 80 a 90% da vitamina D obtida pelo nosso organismo e através da exposição solar ou suplementação”, esclarece.

Fonte: Paraíba Online

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2020/06/01/mercado-farmaceutico-tera-de-aumentar-tiquete-de-vendas-no-pos-covid-alerta-pg/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra