O maior canal de informação do setor

Eurofarma destaca agilidade em negociação de vacina com Pfizer

528

Eurofarma destaca agilidade em negociação de vacina com Pfizer

Anunciada no fim de agosto, a parceria firmada entre a Eurofarma e a Pfizer/ BioNTech para a produção da vacina contra a Covid-19 no Brasil foi um acordo fechado em poucos meses, fruto de um relacionamento de décadas, quando a farmacêutica brasileira fazia terceirização para a Pfizer. As informações são do presidente da companhia, Maurizio Billi, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

Segundo a reportagem, o modelo fechado agora é semelhante, com um contrato simples e valor financeiro baixo para a Eurofarma, que vê potenciais ganhos de imagem.  No futuro, o objetivo é se associar a alguma empresa que possa fornecer a tecnologia de fabricação das vacinas e fabricar no Brasil desde o ponto zero. De acordo com Billi, a Pfizer entrou em contato em junho perguntando se a Eurofarma teria condição de fazer a vacina. Os testes devem começar nos próximos meses.

 O executivo ressaltou que quando esse acordo acabar, não haverá transferência de tecnologia. A farmacêutica brasileira apenas receberá a vacina pronta e fará a última etapa da formulação, o enchimento em frascos e a embalagem final.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/biobalance-avanca-com-suplementos-em-grandes-redes/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação