O maior canal de informação do setor

Grupo Boticário atinge a marca de 100% de energia renovável

297
Grupo Boticário atinge a marca de 100% de energia renovável
Fábrica do Grupo Boticário em Camaçari (BA)

Com histórico de mais de 30 anos de atuação efetiva pela conservação da natureza, o Grupo Boticário conquista a marca de 100% da energia renovável utilizada em suas fábricas, o que representa a aquisição de energia limpa da ordem de 3.000 MWh/mês. A energia usada pelo grupo é composta por fontes variadas: solar, eólica, biomassa e pequenas centrais hidrelétricas.

Além disso, aproximadamente 5% da energia da fábrica de Camaçari, na Bahia, é gerada por uma usina solar própria, de aproximadamente 1.800 metros quadrados de painéis solares. As inovações para a ecoeficiência nas indústrias do Grupo, que incluem o uso de fontes renováveis, demonstram o compromisso com a transição para uma economia de baixo carbono, capaz de fazer frente às mudanças climáticas.

Inaugurada em 2014, a fábrica de Camaçari já foi construída com sistemas de eficiência energética e redução de consumo de água e materiais. A unidade foi a primeira indústria do Brasil no setor de cosméticos a obter a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design). Além de fontes mais limpas de energia, o Boticário também investe na inovação para melhorar a eficiência nos processos. Exemplo prático é a tecnologia usada na produção de cremes e loções hidratantes que garantiu a diminuição de 70% do consumo de energia elétrica, 15% do custo de transformação e 10% do custo de matérias-primas.

Para o Grupo Boticário, a ampliação do uso de energia renovável é apenas mais uma medida entre diversas iniciativas no caminho da sustentabilidade. ‘Sem um planeta saudável, os negócios não prosperam e a sociedade adoece. A crise climática é um problema atual e vem se agravando abruptamente na última década. É uma situação que, apesar de parecer distante para alguns de nós, traz impactos sociais, econômicos e ambientais imediatos’, analisa Miguel Krigsner, fundador e presidente do Conselho do Grupo Boticário.

Segurança hídrica

As operações do Grupo Boticário também zelam pelo uso eficiente da água, uma das mais importantes matérias-primas para os produtos. ‘Estamos reduzindo a captação, ampliando o reuso e diminuindo o consumo relativo por unidade produzida. Na fábrica de São José dos Pinhais (PR), a totalidade da água potável nova vem do sistema público de abastecimento, enquanto nos centros de distribuição e na fábrica de Camaçari ela é originária de um sistema de poços artesianos’, explica o vice-presidente de Operações do Grupo Boticário, Sergio Sampaio.

Para reforçar a segurança hídrica na bacia hidrográfica do Rio Miringuava, que abastece a fábrica paranaense, outras indústrias do entorno e 230 mil pessoas da Região Metropolitana de Curitiba, a Fundação Grupo Boticário – criada e mantida pelo grupo há 30 anos – idealizou o movimento Viva Água, que, junto com o poder público local, mobiliza empresas, produtores rurais e diversos atores que atuam no território para incentivar o empreendedorismo de impacto socioambiental positivo, a conservação da natureza e a recuperação de áreas naturais degradadas.

Até 2025, o Grupo Boticário estabeleceu a meta de reduzir em 60% o consumo de água nas fábricas, em metro cúbico por tonelada produzida, na comparação com os volumes mensurados em 2005.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Leia também: https://panoramafarmaceutico.com.br/grace-aposta-na-industria-farmaceutica-para-crescer-no-brasil/

 

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação