Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Medicamentos controlados continuam com entrega remota

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

Medicamentos controlados
Foto: Canva

A Anvisa aprovou, no dia 30 de agosto, uma medida que permite a entrega em domicílio de medicamentos controlados pelas farmácias e drogarias.

Para fazer a entrega remota, valem as mesmas regras da venda presencial, ou seja, o estabelecimento deve conferir e reter a via original da prescrição médica. Veja o passo a passo que deve ser adotado:

  1.  O estabelecimento deve buscar antes a receita médica ou solicitar o envio de forma eletrônica (quando se tratar de prescrição eletrônica).
  2. O farmacêutico deve conferir as informações da receita (tipo, quantidade, validade etc) e orientar o paciente sobre os cuidados necessários.
  3. Na entrega do medicamento, serão colhidas as assinaturas necessárias.

As farmácias e drogarias devem ainda manter os registros para acompanhamento do paciente e fiscalização pelas autoridades sanitárias. A entrega remota passa a ser permitida para estabelecimentos dispensadores privados, públicos e para programas governamentais.

Já a venda de medicamentos controlados pela internet continua proibida.

Entrega de medicamentos controlados era provisória

A entrega de medicamentos controlados de forma remota já estava permitida, de forma temporária, até 21 de setembro de 2023. A Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 357/2020 foi publicada de forma excepcional, para atender a necessidade de pacientes durante a pandemia de Covid-19.

Considerando os benefícios para a população e o atendimento dos requisitos de controle estabelecidos, a Anvisa decidiu incorporar a medida à legislação vigente. Para isso, a permissão de entrega remota por farmácias será incluída na Portaria SVS/MS 344/1998, que regulamenta a entrega e a venda de medicamentos sujeitos a controle especial no país.

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress