fbpx

Mercado magistral atrai investimentos estrangeiros no Brasil

Mercado magistral

Com crescimento de 6% na abertura de negócios e quase R$ 7 bilhões em faturamento, o mercado magistral tem sido alvo de empresas internacionais que apostam no setor.

Um dos mais recentes aportes partiu do Grupo Fagron, empresa holandesa há 11 anos no Brasil e que já injetou R$ 360 milhões em aquisições de empresas do setor. A fabricante acaba de destinar R$ 60 milhões  para aprimorar a operação de fracionamento e distribuição de insumos farmacêuticos, cosméticos e ingredientes alimentares, com foco nas farmácias de manipulação de todo o Brasil.

Aumento da capacidade produtiva para o mercado magistral

Com os investimentos, a planta passou de 5,6 mil para 8,6 mil metros quadrados e o número de boxes de fracionamento subiu de 34 para 41, aumentando a capacidade de 570 para 800 toneladas a capacidade produtiva mensal. A Fagron atende seis das dez principais farmácias do mercado magistral.

A fábrica também conta com mais controles de segurança no processo produtivo. “A estrutura dos boxes tem diferencial de pressão e sistema de ar classificado (HVAC), que evita qualquer tipo de contaminação nos insumos fracionados”, afirma o gerente geral Joaquin Covo.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra