Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Novartis cogita desistir de venda da Sandoz

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

venda da Sandoz

Diante de um cenário turbulento da economia global, a Novartis cogita abrir mão da venda da Sandoz. Segundo informações da Bloomberg, a negociação da divisão de genéricos, que estava em avaliação e tinha até valor definido, tornou-se mais improvável por conta da alta da inflação e da guerra na Ucrânia. Com esse panorama, os bancos estariam menos dispostos a liberar recursos para grandes aquisições.

No terceiro trimestre de 2021, a farmacêutica suíça iniciou uma revisão estratégica das operações da Sandoz e projetou uma possível venda pelo valor de US$ 25 bilhões. A proposta estava em linha com uma profunda reestruturação financeira da companhia, que levou inclusive a uma onda de demissões que atingiu 8 mil funcionários  e colaboradores.

Potenciais interessados na venda da Sandoz

Desde o início desse processo, a lista de potenciais pretendentes só cresceu. Em novembro do ano passado, surgiu a informação de que o grupo de investimentos sueco EQT e a família alemã Struengmann estariam preparando um movimento conjunto para comprar a Sandoz  por US$ 21,6 bilhões.

Pesaria a favor da negociação a relação dos Struengmann com a Novartis – em 2005, a farmacêutica vendeu a fabricante de genéricos Hexal para a família. Além disso, eles vêm redobrando a aposta na indústria farmacêutica após se tornarem os principais investidores da BioNTech, parceria da Pfizer na produção de vacinas contra a Covid-19.

Em fevereiro, os fundos Blackstone e Caryle também consideraram a compra e estariam dispostos a chegar nos US$ 25 bilhões pretendidos pela Novartis. Os grupos Advent International, Hellman & Friedman e KKR & Co. também avaliavam entrar na disputa.

Alternativa à venda da Sandoz

Uma das alternativas em análise pela Novartis seria a cisão da Sandoz, o que a transformaria em uma farmacêutica independente. E essa hipótese parece ganhar força à medida que a divisão de genéricos fortalece suas operações. Em março, a Sandoz ampliou sua inserção no mercado respiratório e de genéricos de alta complexidade após a aquisição da Coalesce Product Development, desenvolvedora de dispositivos médicos e soluções de distribuição de medicamentos.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress
error: O conteúdo está protegido !!